Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Acompanhamento do sinistro

Fotos de carros para ilustrar texto sobre acompanhamento do sinistro

Acompanhamento do sinistro

04/02/2019

Você passou recentemente por um acidente de trânsito ou roubo/furto de veículo? Se você possui seguro, veja aqui, passo a passo, os procedimentos a serem tomados para fazer o acompanhamento do sinistro.

Imprevistos acontecem

Ninguém está livre de passar por acidentes com carro ou moto. Nos dias de hoje, também ocorrem com frequência furtos de veículos.

Mais do que um grande susto, esses imprevistos significam também perdas materiais, quebra na organização da vida diária e a criação de pendências a serem resolvidas.

Para quem possui um seguro auto, boa parte dos problemas estará resolvida. A operadora do seguro se encarregará de cobrir os custos referentes ao veículo danificado ou furtado.

No entanto, para maior presteza e precisão na resolução desses problemas, é preciso saber como agir.

Veja nesse texto os procedimentos a realizar para fazer a comunicação e o acompanhamento do sinistro.

Boletim de ocorrência

A primeira coisa a fazer é um boletim de ocorrência. Contate a Polícia Militar de seu estado e informe tudo sobre a ocorrência.

Logo após, contate também a seguradora, e o(a) corretor(a).

Você pode fazer o boletim de ocorrência pela internet.

Vistoria

Em seguida, se o sinistro envolver acidente, você deve agendar uma vistoria para o veículo, a fim de avaliar todos os danos.

Algumas operadoras possuem serviços online, ou mesmo via smartphone, para agilizar essa etapa. Por meio desses serviços, você pode enviar fotos do veículo à seguradora.

Se o veículo tiver sido avariado a ponto de não conseguir trafegar, você deve requisitar um guincho. Para isso, procure o serviço de assistência 24 horas.

Análise

Depois de realizada a vistoria no veículo, uma equipe da seguradora avaliará o seu caso.

Serão verificadas as coberturas proporcionadas por sua apólice de seguros, para comparação com as características do sinistro ocorrido.

Também será analisada a situação de regularidade da apólice, ou seja, se você está em dia com o pagamento do prêmio do seguro.

Durante esta etapa, é possível que sejam solicitados mais alguns documentos a você.

Autorização para reparos

Concluída a análise, se tudo estiver certo, será dada a autorização para a execução dos reparos em uma oficina mecânica.

Efetuada a reparação do veículo, deve ocorrer o pagamento da franquia do seguro.

Como fazer o acompanhamento do sinistro

Após a comunicação do sinistro, a operadora abrirá um processo de sinistro, que pode ser acompanhado pela internet.

Para fazer o acompanhamento do sinistro, você deve ir ao site da sua seguradora, de posse do número do seu CPF ou CNPJ, e do número de aviso do sinistro.

Se a sua seguradora for a Porto Seguro, clique aqui para o acompanhamento do sinistro.

Se você possuir uma apólice do BB Seguros, clique aqui.

A SulAmérica Seguros proporciona o acompanhamento do sinistro por meio do seu portal, com acesso para o segurado, o corretor e também para terceiros.

Já a HDI Seguros possui um aplicativo de celular que possibilita fazer todo o acompanhamento do sinistro. A operadora disponibiliza inclusive um aplicativo específico para os terceiros envolvidos em sinistros com os segurados.

Para outras operadoras, busque as informações para acompanhamento do sinistro diretamente com o corretor.

É claro que nada disso adianta se você não estiver segurado. Por isso, lembre-se de fazer um seguro auto, e deixá-lo sempre em dia!

 

Última atualização em 04/02/2019