Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Quero mudar a cor do veículo, o que fazer?

Como mudar a cor do veículo?
01/09/2015

Você já pensou em mudar a cor do seu veículo? Para mudar a cor do seu carro ou da sua moto legalmente, não basta escolher a cor e levar no mecânico. A mudança deve ser aprovada pelo Detran e para isso alguns procedimentos devem ser realizados.

De acordo com o CTB (Código Brasileiro de Trânsito) são consideradas alterações de cor aquelas realizadas por meio de pinturas ou adesivamento em área superior a 50% do veículo, excluídas as áreas envidraçadas. Ele diz ainda que “nenhum proprietário ou responsável poderá, sem prévia autorização da autoridade competente, fazer ou ordenar que sejam feitas no veículo modificações de suas características de fábrica”

Se você pretende fazer uma mudança dessa no seu carro ou moto, primeiramente deve separar os documentos necessários:

  • Identificação pessoal – original e cópia simples
  • Certificado de Registro do Veículo (CRB) original
  • CPF – original e cópia simples
  • Comprovante de endereço – original e cópia simples com data de até 3 meses
  • Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) – original e cópia simples e, em caso de carros 0km, é necessária a nota fiscal do veículo.

 

Após separar esses documentos, você deve:

1- Ir a agência do Detran do município ou região onde o veículo está registrado e informar a alteração das características originais. Caso a unidade do Detran seja dentro de algum Poupatempo, será necessário realizar um agendamento prévio.

2- Lá, você deve solicitar o formulário de autorização prévia para modificação do veículo. Caso prefira, você pode imprimir o formulário pelo site do órgão do seu município, como esse formulário do Detran de São Paulo. Nós temos uma lista com o site de todos os Detrans, que você pode conferir aqui.

3- Preencha o formulário corretamente e entregue ele ao Detran.

4- Aguarde até que o órgão autorize a alteração. Mas fique atento: caso haja débitos pendentes, como multas atrasadas, o processo poderá ser negado até que você regularize sua situação.

5- Após a autorização do Detran, leve o carro até uma oficina especializada e autorizada pelo órgão para fazer a nova pintura. Não esqueça de levar a autorização! Após o serviço, guarde as notas fiscais do serviço e produtos utilizados na pintura.

6- Volte ao Detran com todos os documentos em mãos junto com as notas fiscais do serviço de pintura e preencha um novo “Certificado de Registro do Veículo”. A taxa para essa mudança pode ser R$ 163,33 – caso o licenciamento do ano já tenha sido realizado – ou R$ 235,88 – caso o veículo não esteja com o licenciamento atual pago. Fique atento com essas taxas.

Prontinho. Agora, se você quer pintar o seu carro de rosa choque brilhante ou mudar seu carro preto para um amarelo fluorescente, você terá a cor do seu carro ou moto alterada legalmente. Caso você não realize esse procedimento e seja pego por fiscais, pagará multa de R$ 127,69 e perderá cinco pontos na CNH, além de ter o documento do carro apreendido até a regularização da situação. Só tome cuidado para não escolher a cor de carros mais roubados 😉

Quer mais proteção para o seu veículo? Não esqueça de fazer uma cotação de seguro auto!