Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

5 coisas que podem deixar seu carro desvalorizado

balança valor carro
01/09/2014

Poucas pessoas ficam com o mesmo carro pelo resto da vida, certo? Geralmente quando compramos um carro, pensamos no valor e facilidade de revenda do mesmo e se ele ficará muito desvalorizado ao longo do tempo.

Confira abaixo alguns fatores que podem deixar seu carro desvalorizado e planeje melhor seu próximo investimento!

Marca

A popularidade e reputação da marca ou modelo do veículo fazem diferença na hora da revenda. Montadoras novas, por exemplo, costumam ter uma revenda ruim, já que são mais desconhecidas e com peças de menor disponibilidade no mercado. Modelos mais caros também podem influenciar negativamente na hora da revenda.

Conservação

A idade e o estado de conservação influenciam bastante na hora de revender um carro. A regra é simples: quanto pior ele parecer e mais velho for, maior será sua manutenção, gerando mais gastos para o futuro comprador.

Blindagem

Carros blindados costumam a deteriorar mais rapidamente do que aqueles que não tem, o que faz com que percam valor mais rapidamente. Diferente, por exemplo, do seguro, que protege seu carro mas não causa desvalorização.

Cor

Até pouco tempo atrás, carros com cores mais chamativas eram mais desvalorizados do que os padrões cinza e preto. Hoje em dia, no entanto, esse padrão está mudando na cabeça do brasileiro, o que aumenta a aceitação por carro vermelho, azul ou, principalmente, branco.

Cores mais chamativas como amarelo, laranja ou cores muito berrantes, no entanto, ainda são motivo de polêmica entre os compradores.

Itens

Carros que não tem seus itens completos – como ar condicionado, direção hidráulica ou câmbio automático – costumam ter uma revenda menor do que os carros que mantém todos seus itens de fábrica.

 

Então, na hora de comprar seu carro novo, pesquise com antecedência quais foram os modelos que mais perderam valor, quais os carros usados mais procurados e quais são os modelos mais populares do ano. Assim, a chance de revender seu carro no futuro será maior. Além disso, faça antes uma cotação de seguro auto: pode ser que o seguro para o modelo escolhido seja muito caro!

Veja também:

+ Conheça a lista de carros mais desvalorizaram no ano de 2016.