Entenda como funciona o Seguro de Vida

Foto de pai e filha para texto sobre como funciona o seguro de vida

Entenda como funciona o Seguro de Vida

04/05/2020

Falar sobre seguro de vida pode deixar algumas pessoas desconfortáveis. Isso geralmente acontece porque muita gente pensa que falar desse seguro tem a ver com coisas negativas, quando na verdade tem a ver mesmo é com planejamento. O desconforto muitas vezes vem apenas da falta de conhecimento sobre como funciona o seguro de vida.

Vamos então mostrar como o seguro de vida é bem simples e como ele pode ajudar você e sua família a não serem surpreendidos em casos de emergência.

 

Cotação online de Seguro de Vida

 

O Seguro de Vida

O seguro de vida é na realidade uma ação de proteção. Muito além dos documentos, apólices e regras, fazer um seguro de vida tem a ver com cuidar de quem é importante para você. Principalmente em núcleos familiares em que uma pessoa é responsável por um percentual elevado da renda da casa, o seguro de vida serve como um facilitador em momentos mais tempestuosos.

Por mais que a gente evite pensar em coisas negativas, imprevistos podem acontecer. Um acidente, uma doença ou até mesmo um óbito são coisas indesejadas que podem mudar o rumo de uma família. O seguro de vida cobre despesas extras que ajudam seus familiares – e até amigos – a se restabelecerem em um desses acontecimentos inesperados.

Qualquer pessoa pode contratar um seguro de vida. Os contratos são bem objetivos e possuem poucas obrigações para o contratante. O mais importante é manter em dia o pagamento dos valores contratados, geralmente realizados mensalmente. Falaremos a seguir também como você pode calcular o valor ideal para o seu plano.

Fazer um seguro de vida é planejar e preparar você e seus entes queridos para casualidades. Em um mercado tão diverso hoje, existem dezenas de perfis de seguros de vida que você pode contratar. É possível adequar o quanto você quer pagar e o quanto você quer destinar aos seus no futuro. Está pronto para entender como funciona o seguro de vida?

Como funciona o Seguro de Vida

O principal mecanismo de funcionamento do seguro de vida é o pagamento de indenização aos beneficiários mediante algum acontecimento pré-determinado. O prêmio, como é denominada a indenização em planos de seguro, pode ser destinado a uma ou mais pessoas e pode ser pago através de mensalidades que cabem no seu bolso.

Valores

Os valores das mensalidades podem variar bastante dependendo da cobertura do plano. Portanto, é necessário estar atento às condições e aos benefícios antes de fechar o contrato. Lembre-se de que você está contratando um plano para o futuro dos seus entes queridos e todo cuidado é necessário para fazer um bom negócio.

Beneficiários

Os beneficiários podem ser escolhidos por você, podem ser familiares ou outras pessoas que você considerar. Também é possível alterar livremente as pessoas que receberão o prêmio. Tudo para que você possa adequar o seguro ao seu planejamento inicial. 

Sinistro

O sinistro é o acontecimento que gera o acionamento do seguro, seja o óbito, doença grave e acidente que cause invalidez total ou parcial. Dentro disso, denomina-se sinistrado quem sofre um desses acontecimentos e que esteja coberto pelo seguro, podendo assim sacar a indenização.

Apólice

O instrumento legal que ancora o seguro de vida, assim como em outros tipos de  seguro, é a apólice. É este documento que firma o acordo entre as duas partes, a seguradora e o segurado. Ela estabelece todas as regras do acordo, incluindo:

  • Valor da indenização;
  • Tipos de cobertura e condições de uso
  • Mensalidades;
  • Dados dos beneficiários e outras informações importantes.

As empresas que oferecem seguro de vida são proibidas de oferecer outros produtos financeiros atrelados à venda do plano, a chamada “venda-casada”. Outro dado importante é que as empresas não devem fornecer informações a terceiros sobre uma pessoa que tem seguro de vida. A apólice é a única forma de acionar o seguro e deve estar em mãos dos segurados

Para evitar maiores dores de cabeça, busque sempre seguradoras que sejam autorizadas pela Superintendência de de Seguros Privados (SUSEP) para fornecer este tipo de serviço.

Como calcular o valor do seguro?

Se você tem interesse em saber como funciona o seguro de vida, certamente quer saber sobre seus valores. 

Mantendo as mensalidades em dia é possível garantir um prêmio maior, na eventualidade de acionar o seguro. Conforme as mensalidades são pagas, a empresa de seguros mantém uma reserva. É este montante que forma o prêmio que pode amparar os beneficiários se houver um sinistro.

É importante saber também que o valor do prêmio pago pelo contratante é isento de impostos. Isso não significa que o montante não deve ser declarado no Imposto de Renda, mas apenas que o valor não será taxado pela Receita Federal quando for recebido por você ou seus familiares.

O cálculo do valor do seguro deve considerar então alguns fatores. Como estamos falando de um planejamento de longo prazo, é necessário pensar qual valor é mais adequado para a sua atual situação financeira e que valor você gostaria de deixar para os seus entes queridos.

Se você possui algum dependente em casa, seja pais ou filhos, deve pensar quanto deve deixar para uma eventualidade. 

Por exemplo, quantos salários seus seriam suficientes para suprir a sua casa por 5 ou 10 anos? Ou, mesmo, por alguns meses. O valor dessa conta pode ser o ideal para a contratação do seguro. Quanto antes você começar a fazer esta reserva, menor pode ser o valor das mensalidades e mais rápido você pode chegar no seu objetivo.

Outros benefícios

Agora que você já sabe como funciona o seguro de vida, saiba também que ,atualmente, as seguradoras oferecem outros benefícios além do prêmio do seguro de vida. Faça uma pesquisa sobre as diferentes vantagens de cada empresa.

Algumas oferecem, por exemplo, assistências funerárias ou serviços de atendimento emergencial, como babás para deixar as crianças enquanto você ou um familiar tem de resolver burocracias mediante o sinistro.

+ Como contratar seguro de vida online?

 

Última atualização em 04/05/2020