COTAR SEGURO ONLINE Bidu - Cotação e Comparação de Seguro e Crédito Online
-->
thumb image

Como organizar a casa no tempo livre

Saiba como economizar na contratação do seguro e escolher o melhor plano

A pandemia do novo coronavírus tem colocado muita gente dentro de casa em quarentena. Nas cidades onde pessoas estão habituadas a passar boa parte do dia na rua, muitos viram sua rotina virar de ponta cabeça. Ficando mais tempo sem sair, notamos quanto nós deixamos de organizar a casa. 

Além de uma questão de higiene, organizar a casa no tempo livre pode ser ótimo para sua saúde mental. E, muitas vezes, não precisa tomar tanto tempo. Confira dicas sobre como organizar seu lar, arrumar suas coisas e deixar a casa impecável sem muito esforço. 

Cotação online de Seguro Residencial

Quando organizar a casa

Geralmente, deixamos os afazeres de casa mais pesados para o final de semana, quando temos mais tempo livre. Na correria, muita coisa acaba sendo feita por extrema necessidade, como dar conta da pilha de louça ou lavar roupas. Muita gente com mais recursos acaba terceirizando o serviços, contratando profissionais para a limpeza semanal. 

Em tempos de quarentena, em que a ordem do dia é “isolamento social”, nos vimos em uma situação rara: passar boa parte do dia dentro de casa sem poder sair. Quanto mais tempo ficamos dentro do lar, começamos a notar a poeira nos cômodos com mais frequência. Vemos gavetas e armários aguardando uma bela organização e sentimos aquela vontade de jogar fora muita coisa entulhada.

Organização e limpeza andam de mãos dadas. Por mais árduo que possa parecer, tudo depende de como você se prepara para “atacar” a bagunça. Tente observar a quarentena como uma oportunidade de organizar a casa com mais tempo e energia. Além disso, é uma saída para não se desgastar muito acompanhando notícias negativas sobre a pandemia. 

Manutenção da limpeza da casa

Antes de partir para a organização, temos que deixar a casa minimamente limpa. Dependendo do estado do local, a bagunça pode ser desmotivadora. Assim, listamos alguns pontos críticos que sempre chamam mais atenção em uma casa desarrumada: 

  • Louça;
  • Coisas espalhadas pelos cômodos;
  • Banheiro sujo.

Se você atacar rapidamente essas três frentes indicadas acima já terá um primeiro reforço positivo de conquista. Essas coisas geralmente são as bagunças “mais visíveis” e, dessa forma, têm de ser resolvidas primeiro. Caso contrário, você pode começar a procrastinar, impactado pelo volume de coisas a serem feitas. Esta estratégia pode ser usada também para você se preparar rapidamente quando for receber visitas inesperadas. 

Outra técnica interessante para manter a limpeza antes de organizar a casa é a faxina geral de 10 minutos. Faça uma lista de afazeres que você consegue finalizar em até dez minutos e distribua essas tarefas ao longo dos dias da semana. Com isso, você consegue ter a satisfação diária ou semanal de estar aos poucos mantendo a casa limpa ou, pelo menos, preparando-a para a limpeza pesada. 

Dentre as tarefas que você pode realizar estão: 

  • Aspirar a casa (depende do tamanho do local, claro);
  • Separar a roupa para lavar em um único local fora da vista;
  • Recolher os itens que porventura estão espalhados pela casa por dias etc.

Aqui vai uma dica extra. Sempre faça os afazeres de casa de cima para baixo. Por exemplo, dê preferência por tirar o pó das prateleiras e armários antes de passar aspirador no piso. O natural é que uma parte da poeira caia da limpeza dos armários e você pode ter retrabalho. 

Separação dos itens essenciais para organizar a casa

Um dos passos essenciais para você organizar a casa é separar todos os itens que ficam e o que vai ser descartado ou guardado. 

Você já deve ter ouvido falar da Marie Kondo, uma japonesa considerada guru da organização? Pois bem, atualmente ela tem livros sobre organização e até mesmo uma série na Netflix sobre isso, para quem quiser se aprofundar no tema depois. 

Uma de suas principais falas é sobre não acumular itens desnecessários. E isso é muito importante na hora de organizar a casa. Você tem que pensar que os cômodos que são mais utilizados por você e por seus familiares devem ter apenas as coisas essenciais para facilitar o convívio.

Isso não significa que você não pode ter nenhum tipo de decoração ou itens de recordação. Porém, sempre há coisas que faziam sentido anos atrás e hoje não fazem mais e, por isso, devem ser pelo menos guardadas fora da vista.

Uma boa estratégia para começar a separar é literalmente espalhar em sua frente tudo aquilo que você deseja organizar. Podem ser livros, fotos, papéis etc. o importante é deixar tudo dividido por categoria e de forma visual. Assim, você terá a real noção do que possui e precisa organizar ou descartar, por etapas.

Se você ainda não estiver pronto para se livrar de determinado objeto, encontre um local para armazená-lo que não atrapalhe o cotidiano das pessoas que convivem com você. Inclusive, itens sentimentais devem ser deixados por último, afinal eles geralmente atrasam o processo de organização.

Praticidade é a sua meta

Cada coisa tem o seu lugar na hora de organizar a casa. Este é um importante conceito que você deve levar para a vida, se quiser manter os ambientes organizados. Se você acha porém essa frase negativa, temos uma boa notícia. Quem define qual é o lugar de cada coisa é você mesmo. Mas qual é o guia para fazer isso?

Pense sempre em deixar o lar prático. Você, melhor do que ninguém, sabe como é a rotina do lar e pode definir quais são os melhores locais para armazenar seus objetos. 

Se você sempre deixa a toalha na cama, arrume um local para pendurá-la devidamente no meio deste caminho. Se você estuda ou trabalha em casa, tenha um local específico para tal. Mesmo se este local for na sala, sentado no sofá, arrume um móvel próximo onde você pode guardar os itens relacionados a essa tarefa, para ter sempre à mão, mas sem deixá-los espalhados.

Itens exclusivos, itens repetidos

Ter um local único para guardar seus itens têm uma exceção. Quando estamos falando de objetos de uso contínuo, como canetas, tesouras, bancos ou escadas etc. Às vezes a melhor estratégia não seja deixar todas as canetas agrupadas sobre a escrivaninha. Às vezes você pode utilizá-las logo na entrada de casa para deixar recados ou na cozinha para anotar a lista de compras.

Itens essenciais podem ser distribuídos repetidas vezes, em locais estratégicos. Assim, é mais garantido que você não fique movimentando os objetos de um lado para o outro e, por fim, os deixem espalhados em um terceiro local.

Ter aquilo que você precisa no seu caminho é um ótimo jeito de aliviar sua mente de ficar lembrando onde pôs este ou aquele item. Seu cérebro agradece.

Uma vez que você conseguir ordenar seu espaço e implementar as estratégias que melhor funcionam para você, basta realizar a manutenção da limpeza e organização da casa de tempos em tempos. No final da quarentena, você possuir uma casa funcional e uma vida mais tranquila e saudável.

+ Cuidados com Delivery em tempos de pandemia

+ Brincadeiras para fazer com as crianças em casa

+ Como deixar a casa mais arejada

Última atualização em 08/04/2020