COTAR SEGURO ONLINE

Como acionar o Seguro Residencial contra Desmoronamento?

Como acionar o Seguro Residencial contra Desmoronamento?

14/08/2020

Ter o seguro residencial é como garantir um companheiro na hora de enfrentar momentos difíceis no seu lar. A exemplo de uma chuva forte, daquelas que podem causar algum estrago na estrutura, como a queda de uma parede. Já imaginou? Com o seguro, isso pode ser amenizado. Mas você sabe como acionar o seguro residencial contra desmoronamento? Para entender como isso funciona e quais os passos para conseguir a indenização, acompanhe o nosso post!

Cotação online de Seguro Residencial

O que é Seguro Residencial?

Caso não esteja tão por dentro do assunto, o seguro residencial é uma proteção do imóvel para evitar possíveis prejuízos ao proprietário. Isto é, fornece uma garantia tanto para a estrutura da residência quanto os objetos que estão dentro dela. Em resumo, o seguro residencial busca dar uma segurança a toda a família nos momentos de mais aperto. 

Com a contratação do seguro residencial, o dono do imóvel consegue estar mais preparado para lidar com algum imprevisto que interfira no seu orçamento. Nada de passar sufoco, certo? Para isso, o seguro residencial pode ser escolhido de forma personalizada conforme às necessidades de cada família. Assim, é possível alcançar o custo-benefício desejado. 

Antes de explicarmos como acionar seguro residencial contra desmoronamento, vamos entender o que o seguro residencial oferece como coberturas: 

Cobertura básica

Como o nome diz, é a cobertura obrigatória em qualquer seguro residencial contratado. Aqui, estão garantidas coberturas para três situações: incêndio, queda de raio e explosão. Notou que são problemas imensos? Fique sossegado, a indenização dos danos está garantida ao segurado. 

Coberturas adicionais

A grande variedade de coberturas adicionais é um dos principais benefícios do seguro residencial. Neste momento, o proprietário pode avaliar quais coberturas podem ser úteis à sua realidade e seu perfil. Entre elas, estão as coberturas contra roubo ou furto, vendaval ou tornado, danos elétricos, vazamento de tubulações, vidros, entre outras. 

Como dica, pesquise as principais coberturas disponíveis para conseguir o conforto esperado no seu lar. 

Ok, agora vamos conhecer a cobertura do seguro residencial contra desmoronamento. 

O que seria o Seguro Residencial contra desmoronamento? 

Na prática, o seguro residencial contra desmoronamento é uma das coberturas adicionais que o proprietário pode escolher. Ela garante a proteção do imóvel no caso de ocorrer danos materiais originados de maneira súbita, imprevista e acidental. Aliás, a cobertura é indicada para os imóveis afetados por locais com muitas chuvas, sobretudo nas regiões serranas, onde existe um risco maior de desmoronamentos. 

Qualquer estrago o seguro cobre? Não, inclusive os custos do reembolso do seguro não podem ultrapassar o limite máximo de indenização contratada. Este limite é estipulado na hora da contratação da cobertura e serve como um critério para a seguradora pagar as despesas nas situações de sinistro. 

A cobertura do seguro residencial contra desmoronamento protege a residência nos momentos de:

  • Desabamentos parciais ou totais;
  • Reconstrução ou demolição por ameaça de de desmoronamento;
  • Custos de ações como prevenção a possíveis prejuízos. 

Como saber quais situações são desmoronamento?

Tá, mas como descobrir ao certo o que é ou não desmoronamento? Existem alguns casos que não entram como desabamento nesta cobertura. Por exemplo, danos causados por incêndio, queda de raio, explosão, terremoto, alagamento e inundação. Ou, também, queda de telhas, marquises, beirais ou reboco não são cobertas. 

Em compensação, quedas de muros, paredes e lajes são classificadas como desmoronamento. Inclusive, o desabamento de colunas, vigas de sustentação e teto estão inclusas, visto que são consideradas casos de desmoronamento parcial. 

Importante: fique atento ao que está escrito no contrato (apólice) da cobertura antes de assinar, assim ficará sabendo em quais momentos de desmoronamento o seguro cobre.  

Como acionar o Seguro Residencial contra desmoronamento?

Não tem segredo. A cobertura do seguro residencial contra desmoronamento não difere tanto das demais coberturas quando se precisa acionar o seguro. É preciso, sim, comunicar o quanto antes a seguradora sobre a ocorrência do sinistro. A demora no aviso pode implicar que a indenização não seja realizada, não bobeie. 

Para acionar o seguro residencial, entre em contato por e-mail ou telefone com a seguradora. Explique de forma detalhada os prejuízos no imóvel. Informe os seguintes dados: data e hora do incidente, circunstâncias do sinistro e ocorrência. 

Dessa forma, a seguradora faz a análise se é um caso correspondente de desmoronamento, além de esclarecer como funciona o processo de reembolso ao segurado.

Tem mais: o proprietário necessita avisar a seguradora caso venha ocorrer algum risco de desabamento, como alguma obra que afete diretamente a estrutura da residência. Ou, numa situação de maior gravidade, quando uma autoridade competente o notificar do perigo iminente de desmoronamento, o segurado tem que deixar a seguradora a par da situação. 

Quais são os passos a seguir para conseguir a indenização?

Certo, você avisou a seguradora, mas como garantir a indenização? Aqui, basta reunir alguns documentos solicitados para, enfim, ser ressarcido pela cobertura do seguro residencial contra desmoronamento. Listamos um passo a passo sobre os documentos que deverão ser reunidos pelo dono do imóvel: 

  1. Comprovação de propriedade e/ou posse do imóvel pelo segurado; 
  2. Fazer uma relação detalhada de todos os danos sofridos no imóvel; 
  3. Realizar um orçamento para o custo total do reparo ou reposição dos bens danificados; 
  4. Ter a nota fiscal ou fatura do orçamento do reparo ou reposição dos bens como comprovação dos valores dos prejuízos; 
  5. Cópia de documentos cadastrais do segurado, como documento de identificação e comprovante de residência. 

A comprovação de propriedade, na verdade, equivale ao que se chama de inventário no seguro. Ou seja, ele garante, desde a contratação do seguro residencial, que já se possuía os produtos danificados antes do sinistro. Quer dizer, aquele fogão afetado pela queda da parede é comprovado pelo inventário que o segurado já tinha o objeto anteriormente. 

O prazo para a indenização, bem como a inclusão de novos documentos, dependem da seguradora escolhida. Isso fica descrito na apólice, por isso vale ler aquelas letrinhas miúdas para entender como acontece o processo de indenização. 

É possível se precaver de um desmoronamento?

Sim, é possível adotar medidas para buscar se proteger de um desmoronamento. Ainda que falamos de ocasiões acidentais, vale prestar atenção em alguns detalhes para não deixar o pior acontecer. Elencamos algumas dicas de como se notar isso, confira: 

  • Perceber no terreno se árvores, postes ou muros apresentam alguma inclinação incomum; 
  • Observar rachaduras ou saliências em locais passíveis de desabamento, como paredes, vigas e lajes; 
  • Estar alerta para a existência de água mais barrenta do que o normal. Pode ser um sinal de cano com vazamento que gere uma infiltração pelo terreno; 
  • Não plante árvores que acumulem muita água e possam causar algum deslizamento de terra. 

Além disso, uma forma que protege você e sua família é através da contratação do seguro residencial contra desmoronamento. Como visto, o seguro fornece uma segurança e garante a indenização para evitar que precisem lidar com tantos prejuízos numa situação tão complicada. 

Quer encontrar o seguro residencial ideal e que se adeque ao seu perfil? Faça já uma cotação do seguro residencial com a Bidu Corretora!

 

Última atualização em 14/08/2020