COTAR SEGURO ONLINE

Como acionar o Seguro Residencial contra Ventanias?

Como acionar o Seguro Residencial contra Ventanias?

24/08/2020

Mora numa região repleta de ventos fortes e nunca se preocupou? Ligue o alerta, não sabemos o que a natureza pode nos proporcionar e quais as consequências de sua passagem, sobretudo pensando no cuidado com a sua casa. Quer saber como se proteger? Um aliado para momentos difíceis é o seguro residencial contra ventanias. Para descobrir como acioná-lo e de que forma conseguir a indenização, acompanhe o nosso post!

Cotação online de Seguro Residencial

O que é Seguro Residencial? 

Para quem não está tão familiarizado, o seguro residencial é uma espécie de garantia para o seu lar. É uma proteção para o lado interno e externo da residência, desde a estrutura do imóvel até os objetos que estão dentro dele. Ou seja, o seguro residencial busca evitar que o proprietário precise arcar com possíveis prejuízos em situações desagradáveis no imóvel.

Na hora da contratação do seguro residencial, o dono da residência pode, sim, escolher o melhor seguro de acordo com o seu perfil, local onde mora e necessidades. Dessa forma, aproveita ao máximo os benefícios das coberturas selecionadas e assistências 24h do seguro residencial. Um alívio ao possibilitar uma sensação de segurança a toda família. 

Fora que, diferente do que se imagina, o seguro residencial não é caro. Pelo contrário, ele não chega a, por exemplo, 1% do valor total da residência. 

Para entender o que o seguro residencial oferece e, especialmente, o seguro residencial contra ventanias, vamos conhecer as suas coberturas: 

Cobertura básica

Mais comum, a cobertura básica é aquela obrigatória quando se contrata o seguro residencial, independente da seguradora escolhida. Nela, estão inclusas três proteções: contra incêndio, queda de raio e explosão. 

Coberturas adicionais

Aqui, um dos maiores trunfos do seguro residencial. Por quê? Fácil: existe uma variedade enorme de coberturas para o proprietário deixar o seguro personalizado e benéfico à sua realidade. Vale destacar as coberturas de roubo ou furto, danos elétricos, vazamento de tubulações, impacto de veículos, perda ou pagamento de aluguel a terceiros, etc. 

Entre elas, está a cobertura do seguro residencial contra ventanias, a que protege de vendaval e tornado. Vamos conhecê-la para entender o que é classificado como vendaval.

+ Conheça as principais coberturas do seguro residencial

O que é a cobertura de vendaval e tornado? 

Antes de mais nada, é válido esclarecer as diferenças entre vendaval e tornado. Vendaval é, por assim dizer, ventos com grande intensidade. Já o tornado é uma coluna de ar giratória e violenta, como uma espécie de um funil gigante. Nem é preciso dizer que são perigosos e causam enormes danos por onde passam, certo?

A cobertura do seguro residencial contra vendaval e tornado também se aplica a outros fenômenos da natureza, como ciclone e furacão. Inclusive, até queda de granizo e fumaça costumam entrar nessa cobertura, outra vantagem. 

Como falamos de uma cobertura do seguro residencial contra ventanias, o seguro cobre estragos causados por ventos de velocidade igual ou acima de 54 km/h. Esta medição é entendida como vendaval e precisa ser atestada por um órgão competente ou ser um acontecimento público, como divulgado pela imprensa. 

Para o seguro poder entrar em ação, o sinistro (prejuízo) do imóvel necessita estar diretamente ligado aos ventos fortes. Ou, também, como forma de medidas para combater a disseminação dos danos já provocados ou garantir o salvamento e proteção de bens do segurado. 

Há ocasiões que a cobertura não assegura determinados riscos, como alagamentos, terremotos e má conservação de telhados. Por isso, não deixe de ler a apólice do seguro residencial para entender o que cada cobertura protege. 

+ Seguro residencial cobre enchentes, alagamentos e inundação?

Por que ter a cobertura do Seguro Residencial contra ventanias? 

Mora nas regiões Sul ou Sudeste? Já sabe que, em alguns momentos do ano, como na primavera e verão, surgem vendavais e tornados que parece estarmos dentro de um filme de ficção. Na verdade, o Brasil é um dos principais países com ocorrências de tornados no mundo e os vendavais são frequentes e intensos. 

A região Sul e Sudeste, por exemplo, costumam ser destaques ao virar notícia dado o aparecimento constante de fenômenos da natureza que assustam e causam destruição. Pessoas desabrigadas, casas destelhadas, falta de energia, árvores derrubadas e até veículos afetados são algumas das consequências. Sem contar as avarias no interior do imóvel, como janelas e portas. Uma dor de cabeça sem fim. 

Para estar precavido, o seguro residencial contra ventanias ajuda a fornecer uma garantia ao seu imóvel e transmite uma segurança no caso de ocorrer algum sinistro. Com ele, os danos são amenizados e diminui o impacto dos custos dos reparos no orçamento familiar

Como acionar o Seguro Residencial contra ventanias?

Passou algum perrengue? Não pense duas vezes: acione o seguro o quanto antes. O primeiro passo quando acontecer qualquer prejuízo que o seguro proteja, é entrar em contato com a seguradora. Do contrário, caso exista alguma demora ao procurar o seguro, corre o risco de perder a indenização assegurada. 

Informe a seguradora, seja por telefone ou e-mail, os seus dados, data, hora, local e quais bens foram afetados e as possíveis causas. Aqui, o quanto puder comunicar o máximo de detalhes sobre o sinistro, melhor. Tenha o cuidado de preservar o restante do imóvel, em virtude de não prejudicar a análise da seguradora. 

Depois, o seguro envia um representante na residência para fazer uma avaliação do que aconteceu. Neste momento, o segurado deve apresentar quaisquer documentos pedidos para a comprovação ou apuração dos danos. A partir disso, é necessário aguardar a aprovação da seguradora para começar a reforma, reparo dos bens ou reconstrução do imóvel. 

Certo, agora que já sabemos como acionar o seguro residencial contra ventanias, vamos entender como conseguir a indenização. 

+ Como acionar o seguro residencial contra desmoronamento?

Quais são os passos a seguir para conseguir a indenização?

Para descobrir como receber a indenização do seguro residencial contra ventanias, elencamos um passo a passo com os documentos que o proprietário deve juntar: 

  1. Comprovação de propriedade (inventário do seguro) e/ou posse do imóvel pelo segurado ou aparelho danificado;
  2. Comunicação de aviso do sinistro com a data e hora da ocorrência, além das circunstâncias do fato; 
  3. Elaborar uma relação detalhada de todos os danos sofridos na residência; 
  4. Apresentar o Laudo do Instituto Nacional Meteorologia (INMET) do local atingido. Caso não seja possível, vale outro órgão competente ou uma notícia da mídia comprovando as condições climáticas (velocidade do vento) do dia que o sinistro aconteceu; 
  5. Fazer um orçamento para o custo total do reparo ou reposição dos bens danificados; 
  6. Ter a nota fiscal ou fatura do orçamento do reparo ou reposição dos bens como comprovação dos valores dos prejuízos; 
  7. Cópia de documentos cadastrais do segurado, como documento de identificação e comprovante de residência. 

O prazo para ser paga a indenização, assim como a inclusão de novos documentos, dependem da seguradora escolhida e da ocorrência específica. 

Vale ficar atento ao limite máximo de indenização, valor definido no contrato que esclarece até quanto a seguradora pode reembolsar o segurado. Além disso, como falamos de uma cobertura adicional, outra informação importante é confirmar se existe franquia, a participação do segurado nos prejuízos do imóvel. 

Como proteger a sua casa dos riscos causados por ventanias?

É possível se precaver de ventanias? Como assim? Isso mesmo: com alguns cuidados, o proprietário consegue proteger o seu imóvel e, consequentemente, não coloca em risco a sua própria segurança e de sua família. Separamos algumas dicas para não passar apertos na residência com ventos fortes: 

  • Desobstrua as calhas; 
  • Limpe e não esqueça de fazer a manutenção dos telhados; 
  • Deixe limpo os ralos e esgotos; 
  • Faça a remoção dos entulhos no quintal; 
  • Reforce muros e paredes que não apresentam a segurança e firmeza desejada; 
  • Cuidado com árvores que possam gerar risco ao imóvel, solicite podar ou mesmo cortar. Caso a árvore esteja em iminente risco de queda acione o Corpo de Bombeiros para a realização do serviço. 

Outra maneira é a contratação do seguro residencial contra ventanias. Como visto, ele pode proteger o seu imóvel de ventos fortes e intensos e assegurar a indenização se houver prejuízos. Para isso, faça uma cotação do seguro residencial e encontre a proteção mais apropriada para você e sua família! 

 

Última atualização em 24/08/2020