Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Investimentos para iniciantes

Imagem de caneta e moedas para ilustrar post sobre investimentos para iniciantes

Investimentos para iniciantes

A ideia de ter o dinheiro trabalhando por você, sem que você faça muitos esforços, é realmente de brilhar os olhos. Mas a pergunta que fica é: isso é realmente possível? A resposta é sim. Os investimentos estão aí para isso. Porém, é importante saber qual é o melhor para a sua situação atual. Neste texto vamos abordar os melhores investimentos para iniciantes.

Se você não sabe nem por onde começar, precisa aprender sobre investimentos para iniciantes. A princípio, é importante saber que é um processo diário de construção e de acompanhamento. Pois assim colherá bons frutos futuramente.

Primeiros passos

A primeira coisa para entender sobre investimentos para iniciantes é saber qual é a sua receita. Ter um controle das suas finanças é o primeiro grande passo que você deve ter. Assim saberá o quanto ganha, o quanto gasta e o quanto sobra para investir.

O segundo passo é estabelecer metas. Todos queremos juntar dinheiro, mas possuindo objetivos faz ser mais fácil. Faça planos a curto, médio e curto prazo.

Investir possui custos

Se você for em busca de uma instituição financeira que oferece investimentos, como corretoras ou bancos, saiba que algumas taxas serão cobradas para administrar o seu dinheiro. Essas taxas são taxas de performance, taxas de liquidação, entre outras.

Lembre-se que muitas vezes, os bancos podem oferecer modelos de investimentos que são melhores para eles. Caso você opte por contratar uma corretora, que em geral oferecem taxas e rendimentos melhores que os bancos, faça uma pesquisa em algumas. Assim, você tem uma noção do que está sendo oferecido no mercado e encontra uma que se encaixe no seu perfil.

Outro custo em cima de investimentos são os impostos. Cada aplicação é diferente, portanto cada uma possui tarifas distintas. Na sua maioria todas cobram imposto de renda, com exceção da poupança e das LCIs.

Principais investimentos para iniciantes

Entre os principais investimentos para iniciantes estão os Investimentos de renda fixa. São as aplicações que ao investir você já sabe quanto vai ganhar no final.

Em geral, são títulos de dívidas expedidos pelo Governo ou por bancos. Eles coletam dinheiro de investidores e financiam as suas atividades. Em contrapartida, eles oferecem uma taxa de rentabilidade, que pode ser tanto prefixada quanto pós-fixada.

Na prefixada você tem certeza ao certo o lucro mensal. Já na pós-fixada possui um indicador, ou seja, uma estimativa do quanto irá receber o final de cada vencimento.

Os investimentos com renda fixa mais comuns são: o CDB, o Tesouro Direto, a LCI, LCA.

Para quem está iniciando a investir e quer segurança, também é indicado começar com aplicações com liquidez e rendimentos diários, como do Tesouro Selic. O rendimento será o mesmo da taxa básica de juros, a Selic. Possui uma volatilidade baixa, ou seja, pouca alteração em seus valores de compra e venda.

Antes de começar a investir, especialistas aconselham você a fazer uma reserva de emergência referente a seis meses dos seus gastos mensais. Feito isso, encontre saber qual o seu perfil de investidor. Pode ser conservador, moderado ou agressivo.

Outra dica valiosa é fazer mais de um tipo de investimento. Assim você irá obter bons rendimentos livre as oscilações financeiras em uma determinada aplicação.

Economizar também ajuda na hora de uma aplicação mais robusta, conheças nossas dicas para economizar dinheiro.

Uma nova forma de investimento que também está chamando a atenção de investidores é o COE (Certificado de Operações Estruturadas).