Ambulatório Médico: você sabe o que é?

Você já esteve em uma situação na qual não sabia se deveria procurar auxílio médico em um ambulatório ou pronto-socorro? Você sabe o que é ambulatório médico? E que tipo de assistência você pode obter nele?

Imagem de equipamento médico, caderno e caneta para ilustrar texto sobre o que é ambulatório médico

O Ambulatório Médico não deve ser confundido com um pronto-socorro.

Entender a finalidade de cada tipo de atendimento pode parecer complexo, mas, na verdade, não é. Basta pensar que um serviço complementa o outro, de acordo com a necessidade do quadro clínico do paciente.

Vamos saber mais a seguir!

O que é Ambulatório Médico?

Um ambulatório médico presta serviços de saúde voltados para os casos de baixa complexidade e que não ofereçam risco imediato à vida do paciente.

Para ser atendido em um ambulatório, não é necessário realizar um agendamento prévio, como no caso de uma consulta médica normal. É por este motivo que existe uma confusão com o atendimento de urgência e emergência que é prestado em um pronto-socorro (PS).

Se você quer saber o que é ambulatório médico, saiba que a assistência médica ambulatorial (AMA) funciona de maneira a auxiliar o atendimento das demandas que chegam aos hospitais. Ela atua de forma a tornar todo o processo de consultas e realização de exames mais ágil.

Os pacientes que procuram atendimento e/ou são encaminhados para um ambulatório médico, geralmente, apresentam casos de doenças crônicas de evolução lenta e duração prolongada. Diferentemente dos casos que são tratados em um PS, que exigem cuidados médicos imediatos.

Cotação Online de Planos de Saúde

Que tipo de atendimento é prestado em um Ambulatório Médico?

Agora que você já viu o que é ambulatório médico, entenda quais serviços ele oferece.

Nos ambulatórios médicos é possível ter acesso a um conjunto de serviços especializados. Eles irão garantir uma intervenção terapêutica rápida, assim que o diagnóstico do paciente for confirmado.

Entre os tipos de assistência médica mais comuns estão as áreas básicas da medicina como por exemplo:

  • Clínica Geral;
  • Pediatria;
  • Ortopedia;
  • Ginecologia.

Mas, fique atento!

Os ambulatórios médicos funcionam com uma ampla gama de especialidades para a investigação, diagnóstico e tratamento de diversos quadros clínicos. Porém, os casos a serem cuidados nesse ambiente são aqueles em que o risco à vida do paciente já foi afastado.

Dessa forma, a assistência médica ambulatorial pode, por exemplo, ser um complemento do atendimento prestado em um pronto-socorro. Isso vale para os caso em que se descartou a possibilidade de agravamento dos sintomas apresentados. E também aqueles onde não foi necessária a internação do paciente.

Quando buscar atendimento ambulatorial?

O atendimento ambulatorial oferece assistência médica para quadro clínicos menos complexos e/ou crônicos. Também funciona como um complemento ao atendimento prestado em pronto-socorros. Isso ocorre quando há necessidade da realização de curativos e administração medicamentosa.

No ambulatório é possível realizar exames clínicos e, também, de imagem como:

  • Radiografias;
  • Tomografias;
  • Ultrassonografias;
  • Laboratoriais.

É o local adequado para o acompanhamento e investigação minuciosa de problemas de saúde que não apresentam gravidade e sem necessidade de internação do paciente.

Já os casos críticos de urgência e emergência, que chegam primeiro ao ambulatório, devem ser encaminhados para o atendimento nos pronto-socorros.

Então, como saber o que é urgência e emergência?

Quando buscar buscar atendimento em um pronto-socorro?

O pronto-socorro presta cuidados médicos nas situações que podem oferecer perigo imediato à vida do paciente. Ou então quando o agravamento do caso oferece risco de complicações das lesões, acarretando danos permanentes.

Veja a diferença entre urgência e emergência:

  • Urgência: Trata-se de uma situação imprevista de dano à saúde. Ela pode ou não oferecer potencial risco de morte e necessita de uma assistência médica rápida. Exemplos: fraturas não expostas, cólicas renais, aumento de pressão arterial e intoxicações agudas.
  • Emergência: Trata-se de uma ocorrência súbita e imprevista, no qual o quadro clínico é crítico, grave e perigoso, que demanda de atendimento médico imediato. Exemplos: hemorragias, AVC (Acidente Vascular Cerebral), parada cardiorrespiratória, infarto e fraturas expostas.

Viu só? Não é tão complicado.

Agora você já sabe o que é ambulatório médico e também conhece a diferença quanto à gravidade de cada quadro clínico. Assim, você consegue diferenciar quando há a necessidade de atendimento imediato em um pronto-socorro. 

Para os demais casos, o atendimento de rotina com o seu médico ou a consulta ambulatorial é a melhor opção. Assim você terá o acompanhamento e investigação minuciosa do seu problema de saúde.

Você sabe o que é um Plano de Saúde Ambulatorial?

E falando em atendimento médico ambulatorial, você sabe que existe um plano de saúde especificamente voltado para garantir este tipo de assistência para você e sua família?

O plano de saúde ambulatorial oferece um perfil de convênio simplificado e custos reduzidos. Isso porque ele contempla opções de serviços e coberturas médicas apenas em ambulatórios, clínicas e consultórios.

Ele é ideal para quem não quer investir muito em um plano de saúde, mas deseja garantir atendimento em uma rede de prestadores qualificada para realização de exames e consultas.

Para consultar o melhor plano ambulatorial, que se enquadra no seu perfil, vale a pena conversar com um consultor especializado.

A pedir uma cotação online, você pode verificar a rede credenciada do plano e saber sobre o período de carência que deve ser aguardado para começar a utilizar determinados serviços.

Quer saber mais sobre os benefícios e os preços de um plano de saúde ambulatorial?

Peça uma cotação online!

 

 

Última atualização em 23/05/2019