Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

6 cuidados essenciais após a extração de dente

Se você passou por uma extração de dente, saiba que é preciso uma atenção especial ao longo dos dias seguintes, para evitar infecções. Preste atenção nas dicas abaixo para ter um pós-operatório tranquilo.

Cuidados após extração do dente

Cuidados após extração do dente

 

A temida cirurgia de extração de dente

A extração de um dente é uma cirurgia. Como toda cirurgia ela requer alguns cuidados especiais no período de alguns dias após o procedimento.

Na extração de dente, retira-se o dente por inteiro, até a raiz. Para isso, o dente é descolado da gengiva e separado do osso, usando uma alavanca especial. Em seguida é retirado usando fórceps.

Esse é um procedimento invasivo, que deixa uma espécie de “buraco” na sua gengiva. Até que ele cicatrize por completo, você deve tomar alguns cuidados especiais para evitar problemas sérios após a extração de dente. Veja a seguir alguns cuidados.

 

1 – Mantenha-se em repouso

Após a extração de dente, você deve ficar de repouso absoluto nas primeiras 24 horas, sem sair de casa. Após esse período, deve ficar em repouso parcial nas 48 horas posteriores.

Isso significa ficar sentado ou deitado, sempre com a cabeça mais alta do que o resto do corpo. Se ficar deitado, use dois travesseiros embaixo da cabeça.

Evite falar, para evitar mexer o maxilar à toa. Espere algum tempo para ingerir alimentos – não só para não mover o maxilar, mas também porque a higienização oral no período inicial é delicada.

Se possível, mantenha a boca fechada pelas primeiras horas depois da cirurgia, mordendo a gaze para mantê-la em seu lugar, sobre a área operada.  

Também evite ficar exposto ao sol. O aumento da temperatura não favorece a cicatrização. Atividades físicas, nem pensar.

 

2 – Cuidados ao comer

No primeiro dia após a extração de dente, evite alimentos quentes e sólidos. Fique com os líquidos e pastosos, sempre frios: sopas, gelatinas, sorvete (de preferência com pouco açúcar), iogurte, caldos, sucos, etc.

Nos dias seguintes você já pode ingerir alimentos mornos e um pouco mais consistentes, como ovos, macarrão e purês.

Mastigue sempre com o outro lado da boca, com cuidado e sem pressa.

Não tome bebidas usando canudinho, pois o efeito de sucção pode fazer a ferida no local da extração de dente sangrar.

 

3 – Atenção na hora da limpeza

Nas primeiras 24 horas após a extração de dente, recomenda-se não limpar a região da cicatriz, nem bochechar.

Nos dias seguintes, higienize a região da cirurgia usando o fio dental e uma escova de dente macia. Tudo com muito cuidado.

Não pressione as cerdas da escova contra a área onde houve a extração de dente. Apenas passe a escova suavemente pela região. Não use muita pasta de dente, para não fazer muita espuma.

É importante usar água em abundância. Mas não bocheche com muita força para não abrir o corte.

Depois de escovar, você pode usar um cotonete embebido em um enxaguante bucal para passar suavemente sobre a região da cicatriz. Prefira os enxaguantes que não contenham álcool.

Não esqueça de sempre seguir as recomendações do seu dentista. Em caso de qualquer dúvida, entre em contato com a clínica que você fez a extração, eles poderão te ajudar.


 

 

Que tal proteger seu sorriso com um Plano Odontológico?

Solicite a sua proposta online e aproveite todas as coberturas e vantagens.

Solicitar Plano Odontológico

 

 


4 – Use gelo para desinchar

Após uma extração de dente, é bem provável que sua face fique inchada. Para minimizar o inchaço, siga as dicas abaixo.

Assim que chegar em casa depois da cirurgia, aplique compressas com gelo sobre a bochecha, na região do dente extraído.

Para fazer a compressa, você pode colocar vários cubos de gelo em um saco plástico, envolvê-lo e uma toalha e aplicar sobre a face. Não aplique o gelo ou o plástico diretamente na pele, pois pode causar queimaduras.

As compressas de gelo devem ser aplicadas por 20 minutos, com um intervalo também de 20 minutos entre as aplicações, para descanso.

 

5 – Tome a medicação

Após a extração de dente, o(a) dentista prescreverá remédios para você tomar. Em geral, são receitados antibióticos, anti-inflamatórios e analgésicos.

Todos eles devem ser tomados periodicamente. Mas fique atento pois o período de cada um é diferente: a cada 8 horas, 6 horas, 4 horas…

Por isso, preste muita atenção aos horários em que deve tomar cada um, para não esquecer e ficar sem o efeito por um período. Uma dica é escrever na caixa de cada remédio os horários diários em que ele deve ser tomado, além de colocar um alarme no seu celular.

Não deixe de tomar os remédios prescritos pelo(a) dentista! Eles são importantes para prevenir problemas maiores, como infecções.

 

6 – Outros cuidados após extração de dente

Outras precauções a tomar para cuidar bem da sua ferida são:

  • Não fumar: assim como no caso do canudinho, o vácuo formado na boca para sugar a bebida pode deslocar o coágulo que se formou sobre o buraco onde estava o dente.
  • Não passar a língua sobre a ferida da extração de dente. É preciso tomar todo o cuidado para não prejudicar a formação do coágulo.
  • Evitar tomar banhos quentes, já que a temperatura alta prejudica a cicatrização.
  • Bebidas alcoólicas também estão fora de questão, para não prejudicar o efeito da medicação.

 

Cuidados antes da extração de dente

Como você viu acima, depois da cirurgia de extração de dente, você não poderá ficar andando por aí. Então trate de deixar as coisas preparadas para quando voltar do consultório após a extração.

Em primeiro lugar, no dia anterior à extração do dente, veja se há gelo no congelador. Caso contrário, encha todas as formas, para ter bastante gelo para fazer as compressas para aplicação na face.

Em segundo lugar, vá ao supermercado e abasteça a geladeira com os alimentos a serem consumidos durante o período de convalescença: iogurtes, sucos, leite, sorvete, etc. Prepare na véspera bastante sopa, gelatina e caldos.

Compre de antemão os remédios que precisará tomar no pós-operatório, como antibióticos, analgésicos, etc.

 

“Posso ficar sem dente na boca?”

Se você precisou extrair o dente, é porque ele estava muito comprometido, causando muitos problemas, e, provavelmente, muita dor, certo?

Aí é comum as pessoas dizerem “Ufa, ainda bem que aquele dente se foi!” e ficarem assim mesmo, com um dente a menos.

Porém, isso é desaconselhado por 100% dos especialistas. Segundo eles, quando há falta de um ou mais dentes, ocorre desbalanceamento da arcada dentária, e o crescimento do dente correspondente na arcada oposta.

Por isso, recomenda-se recorrer a algum dos procedimentos que existem para substituir o dente que se foi, como próteses dentárias, implantes, etc.

Talvez você diga: “Puxa, mas aí terei que gastar mais dinheiro! A extração de dente já foi cara!”. Pois é, por esse motivo um plano odontológico pode é fortemente recomendado.

As coberturas do plano odontológico te ajudarão a manter sempre a saúde bucal em dia e não se preocupar com gastos inesperados com os dentes. Os custos do plano odontológico costumam valer muito a pena. Faça uma cotação.