Como ser um prestador de serviços para seguradoras?

Imagem ilustrativa para texto sobre como ser prestador de serviços para seguradora

Como ser um prestador de serviços para seguradoras?

O prestador de serviços para seguradora é considerado um elo importante para a fortalecimento da relação entre as seguradoras e os seus clientes. Afinal, é por meio desse contato direto que a qualidade e a eficiência de uma empresa é percebida.

Entretanto, para ser credenciado para atuar nessa linha de frente, um prestador de serviços para seguradora precisa se comprometer com uma série de requisitos. Esses requisitos devem ser acordados entre ambas as partes.

Você sabe quais são eles? Ainda não? Acompanhe agora o que você precisa fazer para ser prestador de serviços para seguradora.

Imagem ilustrativa para texto sobre como ser prestador de serviços para seguradora

Os prestadores de serviços são um grande diferencial entre as seguradoras.

Prestador de serviços para seguradora: o que esperar?

Na disputa pelo mercado, a empresa que sai na frente é a que oferece a melhor experiência. Essa afirmação é muito válida, principalmente, no mercado de seguros.

Um dos motivos para isso é que, de modo geral, esse é um segmento que apresenta pouca ou nenhuma variação em seu portfólio de produtos. É por isso que, para uma seguradora, contar com uma rede credenciada eficiente é a estratégia que garante diferenciação competitiva e a satisfação de seus segurados.

Dessa forma, para fidelizar e proporcionar a melhor experiência, uma companhia de seguros precisa ofertar serviços com maior valor agregado. Deve, ainda, ficar atenta às novas tendências e oportunidades.

Nesse contexto se encaixa a figura do prestador de serviços para seguradora. Ele atua de forma próxima ao cliente, assumindo um papel, muitas vezes, decisivo na formação da opinião sobre a qualidade de uma marca.

A rede credenciada deve estar apta a entregar, na prática, um serviço exemplar para os seus clientes. Mas, não é só isso: prover o melhor atendimento é apenas um dos requisitos exigidos pelas seguradoras.

Existem outras condições e, também, obrigações que são firmadas no momento em que um contrato de parceria é firmado entre ambas as partes.

Então, quais são os requisitos para ser um prestador de serviços para seguradora? Qual o perfil de profissional que essas empresas procuram? O que fazer para se credenciar?

Vamos saber a seguir.

Como prestar serviços para seguradora?

Quem tem interesse em ser prestador de serviços para seguradora já sabe que precisará se comprometer com uma série de requisitos.

O detalhamento dessas exigências variam de seguradora para seguradora. Contudo, o objetivo comum é a garantia da manutenção da confiança do cliente junto à companhia.

De modo prático, um candidato a se tornar membro da rede credenciada deverá estar com a situação de sua empresa regularizada.

Para se cadastrar junto a uma seguradora será necessário fornecer informações da empresa como CNPJ com situação regular na Receita Federal e ter uma atividade econômica compatível.

O modelo a ser seguido para ser prestador de serviços para seguradora também pode sofrer variação. Alguns prestadores podem atuar junto à diversas seguradoras e outros poderão ter a necessidade de firmar contrato de exclusividade.

Também é necessário avaliar a região de atendimento que será compreendida e as áreas de expertise esperadas. Alguns prestadores acabam firmando contrato como especialistas em apenas um tipo de serviço e outros atuam de forma mais abrangente.

O que vai determinar o fluxo dessa relação é o acordo a ser firmado entre o prestador e a seguradora.

O que as seguradoras procuram na prestação de serviços?

O grande desafio das seguradoras é equalizar sua rede credenciada de um ponto a outro no país. É por isso que, na relação entre as seguradoras e prestador de serviços para seguradora, é necessário estabelecer um forte vínculo de confiança.

Com esse objetivo, os processos que permeiam o dia a dia devem ser construídos à base de ética profissional. Dessa forma, todas as expectativas quanto à parceria são definidas previamente. Ambas as partes se comprometem em cumprir o que ficar acordado no momento do aceite da proposta.

Para assegurar o cumprimento dos termos celebrados existe um acompanhamento de perto por parte das companhias de seguro.

Um dos mecanismos utilizados para essa finalidade são as avaliações periódicas, que podem, inclusive, determinar a renovação dos contratos. Cada seguradora define a forma como essa checagem irá acontecer.

Mas, antes disso, é muito comum que a rede de prestador de serviços para seguradora receba feedbacks em determinados períodos do ano. Assim é possível, eventualmente, reavaliar qualquer prática.

Essa é uma das formas de garantir que os resultados esperados desta parceria sejam alcançados e que a rede esteja operando em uma sintonia fina junto à companhia.

De qualquer forma, é importante que o prestador de serviços para seguradora compreenda que será esperado dele mais que um atendimento cordial, gentil e eficiente.

Para uma seguradora, a satisfação completa do cliente e a boa experiência com a marca são premissas que levam em consideração outros pontos. Veja alguns deles:

Como um fornecedor pode prestar o melhor serviço para as seguradoras

  • Ter a capacidade de estabelecer relacionamentos de longo prazo com os clientes. Para isso, é necessário investir na excelência do atendimento e no conhecimento técnico;
  • Padronização na gestão de processos;
  • Esforços contínuos na capacitação da equipe;
  • Investimentos em atualização tecnológica;
  • Acompanhamento das tendências de mercado;
  • Participação em eventos e treinamentos;
  • Comprometimento no cumprimento de metas acordadas, pontualmente, com cada seguradora;
  • Trocar informações constantes e ter pró-atividade para a melhoria da relação junto ao cliente;
  • Ter confidencialidade de informações;
  • Cumprir regras de contratação de funcionários e subcontratação de outros prestadores de serviços.

O que um prestador pode esperar de uma seguradora

  • Iniciativas para auxiliar na capacitação da rede de prestadores;
  • Definição de um modelo de remuneração e processos administrativos;
  • Termos de responsabilidade e código de conduta;
  • Manuais de operação;
  • Definição sobre a localidade e abrangência do atendimento;
  • Definição de ações com foco na sustentabilidade e no meio ambiente.

Atualização tecnológica

Como em todos os modelos de negócios que existem, a prestação de serviços para as seguradoras exigirá constante atualização tecnológica.

Um exemplo disso é que, hoje em dia, é muito comum o uso de aplicativos que funcionam como um auxílio direto junto aos segurados. Esse tipo de solução promove dinamismo no atendimento, o que tornará necessária uma atuação mais ágil por parte dos prestadores.

Este fator deve ser levado em consideração no momento do cadastramento do prestador de serviços para seguradora. Esses fornecedores também devem considerar a evolução tecnológica que acontece dentro do seu mercado de atuação.

Dessa forma, estar em dia com essas tendências é a melhor forma de manter a prosperidade nessa parceria.

Como ser um prestador de serviços para seguradora?

Agora que você já sabe o que as seguradoras que operam no Brasil esperam na parceria junto à sua rede de prestadores credenciados, veja como você pode se cadastrar junto à companhia de seguros de sua preferência.

As exigências quanto ao cadastro da rede credenciada varia de seguradora para seguradora.

Mas, de um modo geral, quem deseja se candidatar a ser um prestador de serviços para seguradora, deve seguir alguns passos:

  • Acesse o site da seguradora;
  • Observe quais são os canais de atendimento disponíveis;
  • Se você não encontrar online as informações que deseja, faça contato por outros meios: telefone, chats, e-mail, ou vá pessoalmente até um escritório da empresa;
  • Geralmente, as seguradoras disponibilizam um formulário online para o cadastramento;
  • Após o envio de informações prévias, o futuro credenciado passa a acessar um ambiente restrito.

Como se preparar para prestar serviços para uma seguradora?

Para as seguradoras, se concentrar em sua atividade fim é a estratégia que melhor possibilita o aprimoramento da prestação de serviços.

E para garantir excelência, nada melhor que contar com a expertise de quem é especialista na área. É atrás disso que as companhias de seguro estão quando buscam por prestadores de serviço.  

Do lado da seguradora existe uma preocupação constante em ouvir o cliente. Esse é o principal balizador na hora de manter ou não uma parceria com o prestador de serviços para seguradora.

Por isso, um fornecedor precisa ter foco no pleno atendimento dessas necessidades e estabelecer empatia. Isso porque, na maior parte das vezes em que um cliente necessita de um serviço, isso acontece em virtude uma situação traumática ou pouco confortável.

Para se preparar da melhor forma, procure entender quais são os requisitos básicos e práticos para a celebração desta parceria:

  • Verifique quais são os cursos e especializações mínimas necessárias;
  • Quais são as regulamentações básicas;
  • Qual é a extensão da região de atendimento;
  • A infra-estrutura mínima exigida;
  • Número de funcionários necessários.

Com essas orientações, você estará mais preparado para se prestador de serviços para seguradora!