Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Como funciona o financiamento de carro?

Saiba mais sobre financiamento de carro!

Como funciona o financiamento de carro?

Hoje em dia você pode realizar o sonho do carro novo ou casa própria de várias formas. Mas qual será a mais recomendada em relação à financiamento de carro? Acompanhe as dicas da Bidu Corretora e economize mais!

O financiamento de carro pode ser uma boa escolha para quem não tem dinheiro sobrando para pagar um bem de alto custo a vista ou no cartão de crédito (aliás, cuidado com o cartão de crédito). Existem três opções de financiamento, e todas possuem suas diferenças na hora de tirar o dinheiro do bolso:

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

Através dessa forma de financiamento, o consumidor realiza um empréstimo em banco para comprar uma casa ou seu carro. O bem fica, porém, alienado ao banco até que haja o pagamento de todas as prestações, podendo alterar algumas cláusulas no contrato do seguro.

Por permitir ao consumidor o contato diretamente com o banco, o CDC tem uma flexibilidade na negociação das taxas de juros que serão pagas. Elas são fixadas no início do contrato, e não sofrem alterações ao longo de todo o pagamento das prestações, você pode ficar tranquilo pois as taxas não irão ser alteradas.

Lembre-se que é uma modalidade diferente de um empréstimo pessoal, no qual as taxas de juros e a finalidade do uso do dinheiro podem ser diferentes. Você pode solicitar um empréstimo pessoal online aqui na Bidu Corretora.

Leasing

Em tradução literal, leasing significa arrendamento. Nessa modalidade para financiamento de carro, o arrendador (geralmente uma instituição financeira especializada em leasing) compra o bem e cede seu uso ao arrendatário. O veículo ou casa, então, é propriedade da instituição até que todas as parcelas sejam pagas, passando por fim para o nome do cliente.

Uma das vantagens diz respeito aos juros – que costumam ser menores – além de não haver necessidade da apresentação de garantias e ausência de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), ficando a cargo somente de ISS (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza).

Para ser dono do bem, no entanto, é necessário declarar a opção pela compra no contrato, além de pagar o VRG (Valor Residual Garantido) devidamente acordado.

Consórcio

O consumidor irá fazer parte de um grupo formado por outros compradores, organizado por uma empresa de consórcio. Você irá pagar as prestações acordadas, mas só receberá o bem quando seu nome for sorteado – o que ocorre uma vez por mês.

Diferente das outras modalidades de financiamento de carro, as parcelas do consórcio podem sofrer reajustes de acordo com a valorização do automóvel ou imóvel a ser adquirido, além de ser cobrada uma taxa de administração, referente aos serviços prestados pela empresa de consórcio, que varia de acordo com a empresa.

Quando há a contemplação – ou seja, quando o cliente é sorteado -, o cliente recebe o crédito e tem o poder de barganha da compra à vista.

Ter o seu veículo ou casa própria é um investimento, mas hoje temos diversas formas para facilitar essa conquista. Basta escolher bem qual é a melhor para sua economia e fazer um financiamento de carro mais inteligente! E depois não esqueça de fazer um seguro de carro e um  fazer um seguro residencial: não vale a pena deixar seus bens correrem riscos sem coberturas.

E no financiamento, é importante conhecer também o que é score. Veja, ainda, como o refinanciamento do veículo pode ajudar você a sair do vermelho.

+ Como funciona o financiamento imobiliário