Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Guia de direção defensiva para você praticar agora

imagem de jovens dentro do carro com a descrição: dicas de direção defensiva

Dicas de direção defensiva

Para quem tem a carteira de habilitação, o assunto “direção defensiva” não é estranho, já que ele está presente nos cursos dos Centros de Formação de Condutor (o famoso CFC).

Porém, algum tempo depois de tirar a carta de motorista e pegar as práticas para dirigir, algumas daquelas dicas de direção são esquecidas.

Independente se você utiliza seu veículo apenas nos finais de semana ou todos os dias, de forma comercial ou de lazer, é extremamente importante você utilizar a direção defensiva para proteger a si mesmo e as outras pessoas que estão no trânsito junto com você.

O que é direção defensiva?

A direção defensiva (direção segura ou direção preventiva) é um conjunto de ações de prevenção que o motorista deve tomar em condições adversas, sendo o principal objetivo reduzir acidentes ou amenizar as suas consequências.

A direção defensiva é dividida em duas atitudes: A primeira é preventiva, no qual a atitude do motorista é permanente em evitar acidentes (como utilizar o cinto de segurança).

A segunda é a corretiva, onde a atitude tomada pelo condutor é tomada quando é confrontado com imprevistos (como colocar o triângulo de sinalização).

Quais elementos fundamentais da direção defensiva?

Existem cinco elementos que são essenciais na direção defensiva que o condutor deve conhecer para garantir maior segurança em dirigir.

Conhecimento – É preciso conhecer o Código de Trânsito Brasileiro e seguir as regras e normas previstas em lei.

Atenção – O motorista precisa dirigir atento a todos os detalhes do trânsito (vias, veículos a sua volta, o clima, sinalização e etc).

Previsão – Essa capacidade é de antecipar situações de imprevistos no trânsito, como pneu furado ou pedestre atravessando a via fora da faixa.

Decisão – Trata-se da capacidade de decisão do motorista nos momentos de imprevistos ou riscos.

Habilidade – É ligada a habilidade do motorista manusear o veículo, sendo adquirida com prática e tempo.

Essas cinco capacidades estão ligadas entre si para que o motorista pratique uma direção defensiva. Vamos imaginar que João, um jovem motorista que estava indo em direção a faculdade, não pratica a direção defensiva.

Em um certo dia, ele estava dirigindo seu carro com o braço para fora do veículo (falta de conhecimento do CTB) e cantando a sua música preferida no último volume (olha a falta de atenção no trânsito).

Com essa distração ele não percebeu que um pedestre está atravessando a rua (falta de previsão), atropela a pessoa e foge do local (falta de decisão correta). Por ter causado um acidente e abalado emocionalmente, ele bate o veículo em um poste (habilidade).

Lógico que essa é uma situação hipotética, mas que pode acontecer com qualquer motorista. Nessa suposição, se João estivesse prestando atenção enquanto dirigia e seguindo as leis de trânsito, a situação seria diferente e ninguém sairia ferido.

Dicas para a direção defensiva

Todos os motoristas podem ser condutores defensivos, sendo necessário apenas seguir as normas e regras de trânsito, garantindo a sua integridade e dos demais. Veja algumas atitudes que devem ser tomadas.

Antes de entrar no carro…

A direção defensiva tem como atributo prever situações de risco e dirigir para evitá-las. Mas para isso é necessário manter uma boa postura ao dirigir.

Uma postura correta ao volante é aquela que os braços e pernas fiquem levemente dobrados e as costas no encosto em um ângulo de 90°.

É preciso deixar todos os espelhos retrovisores em ótima condições para o motorista enxergar o trânsito a sua volta.

Itens de segurança

O uso de cinto de segurança e capacete por todos os ocupantes dos veículos é obrigatório por lei. Porém, muitas vezes por estar perto de casa ou fazer um trajeto curto, os ocupantes esquecem de usar esses itens básicos para a sua proteção.

Uma pesquisa feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mostrou que 50,2% dos passageiros que viajam no banco de trás do carro, van ou táxi não utiliza o cinto de segurança.

Segundo um estudo do Abramet (Associação Brasileira de Medicina de Tráfego), o cinto de segurança reduz o risco de morte em até 45% no banco da frente e até 75% no banco traseiro.

Você já deve ter ouvido que alguém escapou ileso ou com poucos ferimentos após um acidentes de trânsito por causa do cinto de segurança, não é mesmo?! Ou seja, o uso desse equipamento não é obrigado por lei a toa, sendo que há diversas pesquisas que mostram a importância dele.

Também não esqueça das crianças: desde 2010 com a “lei da cadeirinha”, as crianças com menos de 36 quilos ou até 10 anos devem utilizar a cadeirinha dentro do veículo. O motivo é simples, crianças menores não ficam ajustadas ao cinto de segurança, sendo necessário a cadeirinha para garantir a sua proteção.

Respeitar a sinalização e leis de trânsito

Pode parecer óbvio, mas respeitar a sinalização e as leis de trânsito é uma atitude para evitar muitos acidentes ao volante.

As placas de trânsito e semáforos não estão nas vias sem nenhuma função, justamente ao contrário: elas servem para a proteção de todos.

A mesma coisa serve para as leis de trânsito, como manter as duas mãos no volante ou no guidão (ou seja, não dirigir fumando), não dirigir descalço e não utilizar celulares ao volante (nem mesmo dirigir com fone de ouvido);

Você sabia que dirigir e falar ao celular é mais perigoso do que beber? Uma pesquisa feitar na Grã Bretanha mostra que mexer no celular deixa o motorista 30% mais lerdo do que o condutor alcoolizado. Sem contar que se você estiver em 50 km/h e desviar a sua atenção por 1 segundo, você anda 14 metros às cegas. E você achando que era só uma olhadinha na mensagem, não é?!

Por isso, atente-se as sinalizações, limites de velocidade e as leis de trânsito, respeitando sempre os condutores dos outros veículos.

Manutenção do veículo

Muitos pensam que a manutenção do veículo só deve ser feita antes de uma viagem, porém isso é um mito. Independente de utilizar seu veículo na estrada ou cidade, é preciso ficar em dia na manutenção para evitar acidentes.

Você pode perceber que o pneu está começando a ficar careca ou que a água do radiador está baixa, porém você pode deixar passar que a pastilha de freio está desgastada ou se tem um vazamento de gasolina.

Nessa situação que entra a manutenção, onde um profissional especializado poderá olhar seu veículo e fazer os ajustes necessários.

Respeite os outros motoristas

Prezar sempre pela segurança é uma das características da direção defensiva. Isso significa sempre utilizar os sinais para mostrar aos outros veículos a sua atitude no trânsito, como sinalizar uma mudança de faixa.

Mantenha também uma distância dos outros motoristas, não ande pelo acostamento e no caso das motos, sempre ultrapasse pelo lado esquerdo dos carros.

Equipamentos indispensáveis

Há equipamentos que são indispensáveis para qualquer veículo em momentos de imprevistos, tanto para seus passageiros, quanto para os outros motoristas.

Um desses equipamentos é o estepe, que deve ser mantido sempre calibrado e balanceado, além de estar em boas condições para ser usado em qualquer momento. O triângulo deve permanecer junto ao estepe.

O extintor de incêndio também deve estar dentro da validade e com lacre fácil de manusear.

Onde aprender direção defensiva?

Se você já esqueceu como funciona a direção defensiva que aprendeu no CFC, quer aprimorar a forma que conduz o seu veículo ou treinar a sua frota de motoristas, é  interessante que você faça aulas de direção defensiva.

E você pode encontrar um curso de educação de direção que encaixe na sua rotina, com opções pagas, de graça, online ou presencial.

Procurando por “curso de direção defensiva” no YouTube, você encontra diversos vídeos com técnicas para dirigir seu carro de forma segura.

A Porto Seguro disponibiliza gratuitamente o curso de direção segura para pessoas que são ou não seus segurados. Basta entrar no site e se cadastrar. Há outros cursos da Porto Seguro voltados para a direção, como pilotagem segura e pilotagem emocional.

O Roberto Manzini Centro de Pilotagem tem um leque grande de cursos de direção defensiva e cada um possui enfoques diferentes, como voltados para veículos blindados, leves, caminhões e outros, sendo voltado tanto para pessoa física quanto jurídica. Para realizar o curso, é necessário solicitar o orçamento no próprio site.

No Blog da Bidu você encontra diversas dicas de segurança. Veja abaixo algumas delas:

 

+ Diferença entre alinhamento e balanceamento

+ Faixa da soneca para crianças é segura?

+ Fumar no trânsito pode dar multa?

+ Dicas para dirigir carro automático