Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Como evitar enjoos em viagens de carro

Imagem de uma estrada de terra no meio de montanhas de rochas e três carros com pessoas na capota, com a legenda: evitar enjoos nas viagens

Como evitar enjoos em viagens de carro

Muita gente se sente muito desconfortável nas viagens de carro, sentindo tonturas, enjoos e muita ânsia de vômito. Este problema é mais comum do que você imagina e tem um nome: cinetose (ou motion sickness, em inglês). Conheça mais sobre os enjoos nas viagens!

O que é a Cinetose?

O mal do movimento, ou doença do movimento, é um conflito entre as informações repassadas pelos sentidos como visão, tato e labirinto (orelha interna) para o sistema nervoso.

Em pessoas com esse tipo de problema, o sistema nervoso interpreta as informações recebidas como sinais de alerta de algo não está correto.

Por exemplo, o cérebro não computa corretamente o fato de seu corpo estar parado e milhares de estímulos visuais estarem chegando a todo instante. Por isso, ele reage de forma agressiva, como se precisasse expulsar um veneno ou uma droga que esteja fazendo você se sentir alucinações.

O resultado desse conflito de informações são náuseas, palidez, inquietação, suor frio, bocejos repetitivos e, em casos mais severos, queda de pressão arterial, desidratação e abatimento físico e psíquico.

As pessoas que sofrem desse mal também costuma passar mal nas viagens de barco, avião e em brinquedos de parques de diversão, como montanha russa e rodas-gigantes, sendo que pequenos momentos de lazer podem se tornar verdadeiras sessões de tortura.

Salvo casos de pacientes que contam com distúrbios clínicos em seu sistema vestibular periférico (do labirinto ou de nervo vestibular) ou central (de núcleos, vias e inter-relações vestibulares no sistema nervoso central), a cinetose, infelizmente, não tem cura.

Porém é possível controlar os seus sintomas e aproveitar com mais tranquilidade a sua viagem de carro.

Como amenizar o enjoos nas viagens?

Sim, é possível conviver com a cinetose “burlando” o que desencadeia os seus horríveis sintomas. Veja abaixo como não passar mal nas suas próximas viagens de carro.

  1. Ande no banco da frente

Se você não for o motorista, viaje no banco da frente. O fato de você ver a estrada, seus buracos, pontos de parada e outros obstáculos comuns, fará com que seu corpo esteja previamente preparado para as possíveis movimentações desagradáveis, diminuindo a reação agressiva do seu sistema nervoso.

  1. Olhe para um ponto fixo

Procure não ler nem enviar mensagens pelo celular com a cabeça abaixada. Tente olhar para um ponto fixo no horizonte, pois isso ajuda o seu cérebro a manter o sistema nervoso estabilizado.

  1. Água gelada sempre

Mantenha sempre a bordo uma garrafinha de água gelada. O processo de deglutição de líquido gelado ajuda a conter a ânsia de vômito e a acalmar o seu estômogo.

  1. Evite comer

Vai viajar de carro? Evite comer nas últimas duas horas antes de pegar a estrada. Com o estômago vazio, você terá menos vontade de vomitar e seu mal estar será bem menor.

  1. Use medicamentos

Anti-histamínicos como Dramin costumam ser ótimos companheiros de viagem para pessoas com cinetose. Apesar do sono que ele causa, é um aliado na redução das náuseas causadas por movimento. No entanto, é imprescindível que você consulte seu médico antes de se medicar e para evitar efeitos colaterais e alergias.

E você, já se sentiu enjoo nas viagem de carro? O que fez para melhorar? Compartilhe sua experiência com a gente!

Veja mais:

+ Como evitar enjoos em viagens de avião!

+ 7 coisas para fazer antes de viajar de carro