Melhores carros 2018 em custo-benefício

Foto de Peugeot para ilustraar texto sobre os melhores carros 2018 em relação ao custo-benefício,

Melhores carros 2018 em custo-benefício

Escolher um automóvel não é tarefa fácil. Há muitos modelos disponíveis no mercado, entre novos e usados. Por isso, o consumidor tem que levar em consideração uma série de fatores antes de encontrar o modelo com o melhor custo-benefício para seu bolso. Aproveitando a chegada do novo ano, fizemos uma busca pelos melhores carros 2018 em relação ao custo-benefício.

Vamos listar os modelos mais vendidos durante o ano, as características, vantagens e desvantagens que fizeram deles as melhores compras de 2018. Conheça também quais são lançamentos da Fiat e os principais lançamentos de 2019.

Foto de Peugeot para ilustraar texto sobre os melhores carros 2018 em relação ao custo-benefício,

O Peugeot 208 está entre os melhores carros 2018 em relação ao custo-benefício.

Como definir qual é o melhor custo-benefício?

Alguns dos carros apresentados aqui na lista dos melhores carros 2018 não têm necessariamente o menor preço. Nossa principal preocupação foi demonstrar tudo o que o veículo oferece pelo valor de mercado comparado aos seus concorrentes diretos. Isso leva em conta a performance, acabamento, espaço interno e outros pontos.

Para chegarmos na lista final dos melhores carros 2018, contamos com informações de outras pesquisas realizadas por mídias especializadas, depoimentos e números de vendas em geral.

Melhores carros 2018: campeões do custo-benefício

Peugeot 208 Active 1.2

Na lista dos melhores carros 2018 com ótimo custo-benefício foi o Peugeot 208 Active 1.2 Pure Tech.

Seu antecessor, o Peugeot 206, por certo tempo foi um dos queridinhos entre os brasileiros. Seu sucessor, o 208, perdeu um pouco em potência, cerca de 3 cv (cilindradas), o que à primeira vista pode desanimar o consumidor.

Por outro lado, o Peugeot 208 vem ganhando no quesito economia. O modelo citado pode ultrapassar os 15 km/l em estradas e faz cerca de 12 km/l rodando na cidade.

Os números são bastante competitivos frente aos seus rivais diretos, como o Volkswagen Fox, Hyundai HB20 e o Ford Ka. O ponto fraco do 208 fica no desempenho, principalmente na aceleração e retomada, que é bem próximo dos compactos 1.0, porém em uma carroceria mais pesada.

Outro destaque do modelo Active 1.2 está no acabamento interno e nos equipamentos disponíveis. Uma característica que faz esse modelo ser facilmente reconhecido é o volante. Menor do que os convencionais, permite um ótimo controle do carro, além de deixar o painel em uma posição elevada.

A versão inclui: ar-condicionado, direção elétrica, volante multifuncional, coluna de direção com regulagem de altura, central multimídia contendo os aplicativos Apple CarPlay e Android Auto e vidros elétricos nas quatro portas. Nessa configuração o automóvel sai em torno de R$ 52 mil.

Volkswagen Polo 1.0

Talvez um dos fenômenos de vendas instantâneas do ano e, por isso, na lista dos melhores carros 2018.

O Volkswagen Polo veio para fazer frente a outros do estilo hatch que há um tempo dominam o mercado brasileiro. Em pouco tempo, estourou como o quarto carro mais vendido no ano no Brasil. O que impressiona é que este não é um dos veículos mais baratos, entrando na categoria dos compactos premium e custando entre R$ 50 e R$ 70 mil.

A versão básica 1.0 tem a eficiência de três cilindros do subcompacto Up! e já vem com ar-condicionado, direção e vidros elétricos, airbags laterais e computador de bordo.

Tanto o preço do seguro quanto das revisões são bastante competitivos com os seus concorrentes. O carro tem grande potencial para se manter como uma referência da categoria.

Renault Sandero R.S.

O Renault Sandero sempre foi reconhecido como um carro que vai direto ao ponto. Sem muitos detalhes, mas barato e espaçoso para sua categoria.

Não é exatamente desta versão de que estamos falando. Um dos melhores carros 2018 é a versão esportiva trazida pela Renault, o Sandero R.S.

Com motor 2.0, potência de 150 cv e câmbio manual de seis marchas, o veículo é indiscutivelmente veloz, sem perder a segurança e o conforto.

Possui ar-condicionado automático, direção eletro-hidráulica e central multimídia. Além disso, possui o volante e o câmbio revestidos com couro, rodas de 17 polegadas, suspensão baixa e reforçada.

Todas as vantagens vem com um preço, o modelo sai em torno de R$ 63 mil. Se você não é um amante de carros esportivos poderá encontrar em outros modelos o mesmo conforto, porém menos performance por um preço mais modesto. Há também quem prefira os sedans, lembrando que o Sandero R.S. entra na categoria dos compactos.

Chevrolet Onix Joy 1.0

Líder de vendas por vezes consecutivas, o Chevrolet Onix é um hatch que agrada boa parte dos brasileiros. De todos os carros vendidos no Brasil com motor 1.0, metade é Onix. Talvez há uma pequena coisa que se possa falar dessa versão do automóvel.

O Onix Joy, modelo de entrada, mantém as características visuais do carro antes de renovação feita pela Chevrolet, que é destaque nas versões intermediárias e completas. No entanto, o preço dessas versões pode ser mais salgado para o que o veículo oferece.

Ainda sim, o Onix Joy é um dos carros com menor depreciação do mercado e o valor do seguro compensa. Nesta versão o automóvel pode ser encontrado por cerca de R$ 42 mil. Por isso está na lista dos melhores carros 2018 de custo-benefício.

Melhores carros 2018: oferecendo o básico por um bom preço

Renault Kwid Zen

Um dos carros mais baratos no mercado brasileiro hoje é o Renault Kwid. Custando a partir de R$ 30 mil, o carro é também um dos mais vendidos do ano.

A estreia do modelo introduzido pela montadora francesa no Brasil não foi dos melhores. O veículo já passou por três recalls desde o lançamento, envolvendo os sistemas de freio, motor e combustível.

Em 2018, parece que tudo se estabilizou e o veículo, inclusive, melhorou em testes de segurança realizados no período. Uma parte desse sucesso se deveu à inclusão de airbags laterais dianteiros e reforços em sua carroceria.

O modelo intermediário, o Renault Kwid Zen, possui ar-condicionado, direção elétrica, limpador traseiro, vidros e travas elétricas. Com as alterações para melhorar a segurança, os preços subiram um pouco comparado com as versões anteriores. É possível encontrar o Kwid Zen por cerca de R$ 38 mil, porém, a montadora vem utilizando uma estratégia para baratear o custo das revisões como contrapartida.   

Fiat Mobi Easy Comfort 1.0

Outro destaque dos subcompactos entre os melhores carros 2018 é o Fiat Mobi Easy Comfort 1.0. Diferentemente do concorrente da Renault, o Mobi teve seu preço reduzido após várias reclamações de que o custo-benefício não estava compensando a compra.

O modelo Easy Comfort é uma das novidades para 2019 e é uma das versões mais básicas, custando a partir de R$ 32 mil. Esta versão se mostra bastante ágil e econômica. Acima de tudo, o veículo possui o valor de seguro mais barato entre seus concorrente e até frente a carros de outra categoria.  

Volkswagen Up!

Uma menção honrosa aqui vai para o Volksvagen Up! Infelizmente, o carro não manteve um bom desempenho após o seu lançamento, o que fez com que a montadora alterasse a estratégia de vendas, inclusive deixando o carro mais caro. Isso fez com que o automóvel ficasse sempre atrás do seu rival direto, o Kwid da Renault. Com isso, o Up! tem aparecido como um dos bons carros que os brasileiros não compram.

Nesse cenário, o automóvel é uma ótima opção para quem está buscando veículos semi-novos ou usados. O modelo da categoria dos subcompactos tem um ótimo motor, tanto na versão 1.0 aspirado quanto nas versões turbo. Nesta versão o carro pode render cerca de 15 km/l e atinge de 0 a 100 km/h em 11 segundos. As versões intermediárias sempre incluem melhores acabamentos ou equipamentos exclusivos.

Última atualização em 02/01/2019