Saiba como pagar licenciamento de veículo pela Internet

imagem de pessoa no computador para texto sobre pagar licenciamento pela interner

Saiba como pagar licenciamento de veículo pela Internet

A taxa de licenciamento dos veículos brasileiros, que é oficialmente conhecida como Taxa de Renovação do Licenciamento Anual do Veículo (TRLAV), deve ser paga obrigatoriamente todos os anos. Isso ocorre assim como o pagamento anual do IPVA e o DPVAT (seguro obrigatório). Mas é possível pagar licenciamento pela internet?

A resposta é sim. É possível! Assim, o processo fica mais rápido e ágil. Além disso, também dá para economizar, já que não é mais necessário contar com a ajuda de um despachante.  

Confira o passo a passo para pagar licenciamento online corretamente.

Cotação online de Seguro Auto

Passo a passo: pagar licenciamento pela Internet

1. O que você deve ter em mãos

No o primeiro passo para pagar a taxa de licenciamento é necessário ter em mãos o número do Renavam do veículo. Ele pode ser encontrado no documento do carro.

Aí então, acesse o site do seu banco e busque pela opção “pagamentos”.

Assim, é possível pagar a taxa de emissão do novo documento, além de também efetuar o pagamento da taxa de envio do mesmo pelos Correios.

OBS.: não é necessária a impressão de qualquer documento para o pagamento das taxas mencionadas.

O próprio sistema dos bancos informa possíveis débitos relativos ao IPVA, DPVAT e até mesmo multas. Caso haja alguma pendência, é necessário quitar primeiro para só depois pagar a taxa de licenciamento.

2. Aguarde o documento

O passo número dois para pagar licenciamento pela internet é aguardar a chegada do novo documento no endereço que foi cadastrado no Detran. 

O prazo para ter o documento em mãos é de até 7 dias úteis. Porém, de janeiro a março esse prazo aumenta para até 10 dias úteis em virtude do grande volume de solicitações do licenciamento. Muitos proprietários de veículos optam pelo pagamento antecipado dessa taxa, que é feito junto com o pagamento do IPVA, no início do ano.

3. Não recebeu o documento no prazo?

Este terceiro passo é apenas para quem não recebeu o documento no prazo indicado. Optou por pagar licenciamento pela internet e não recebeu o documento? É preciso acessar o site do Detran para verificar o que está acontecendo.

Para fazer isso, é necessário fazer login com o CPF/CNPJ e senha . Há opção de cadastro para quem está acessando o site do Detran pela primeira vez.

Para obter o código de rastreamento (A.R.) do documento nos Correios, basta seguir os comandos “Menu”, “Serviços Online”, “Veículos”, “Acompanhamento de Serviços Eletrônicos” e  finalmente “Licenciamento de Veículo”.

4. Código em mãos

Com esse código de rastreamento em mãos, acesse o portal dos Correios e acompanhe a situação do documento.

É importante saber que há situações que dificultam e até mesmo impedem a entrega do documento. Entre elas está, por exemplo, quando o endereço cadastrado está desatualizado.

Mas quando há um motivo como esse, os Correios informam que não foi possível efetuar a entrega, retornando o documento para a unidade do Detran em que o veículo é cadastrado. Assim, é necessário fazer a retirada no local. 

Dá para pagar em agências e terminais de banco

Embora a melhor forma seja pagar licenciamento pela internet, em virtude da praticidade e eficiência, essa não é a única forma. Também é possível pagá-la nas agências bancárias e pelos terminais de autoatendimento dos bancos que são credenciados pela Secretaria da Fazenda.

Caixa Econômica, Banco do Brasil, Bradesco e Itaú, por exemplo, aceitam o pagamento em praticamente todos os estados do Brasil.

O que é o Licenciamento?

A obrigatoriedade do pagamento anual da taxa de licenciamento se dá por se tratar de um documento que autoriza o veículo a circular pelas vias do Estado brasileiro. Ou seja, sem o licenciamento não é permitida a circulação do mesmo.

Mais ainda: quando essa taxa não é paga, o dono do veículo é multado. Ele “ganha” sete pontos na carteira de motorista e tem o veículo recolhido pelos oficiais da lei. A retirada ocorre apenas quando há a regularização da situação do mesmo.

Importante: a emissão e envio do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo é feita apenas quando não há registro de débitos referentes ao IPVA, TRLAV e DPVAT.

Quando efetuar o pagamento

Os prazos de pagamento são estimados mediante o final da placa do veículo. Confira as datas para São Paulo: 

  • Abril: final de placa 1
  • Maio: final de placa 2
  • Junho: final de placa 3
  • Julho: final de placa 4
  • Agosto: final de placa 5 e 6
  • Setembro: final de placa 7
  • Outubro: final de placa 8
  • Novembro: final de placa 9
  • Dezembro: final de placa 10

Caso o pagamento não seja realizado até o último dia útil do mês referente ao número do final da placa do veículo, o proprietário pagará multa e juros.

Além disso, é preciso ter o novo documento em mãos até o término do período de licenciamento do mesmo. A partir do primeiro dia do mês seguinte o veículo só pode circular quando o motorista está com o documento do carro em dia, livre das penalidades já citadas.

Licenciamento antecipado

O licenciamento dos veículos deve ser feito, no Estado de São Paulo, a partir do mês de abril.

Mesmo assim, muitos optam pelo pagamento antecipado, junto com o pagamento do IPVA – entre janeiro e março.

 

 Última atualização em 17/02/2020