Quais são os Tipos de Estepe?

Imagem de pneus para texto sobre Tipos de Estepe

Quais são os Tipos de Estepe?

A cena é comum: você sai do mercado cheio de sacolas, chega ao carro e percebe que um dos pneus está completamente murcho. Não resta outra alternativa a não ser trocar, seja com as próprias mãos ou ligando para o seguro auto. Mas você sabia que existem diferentes tipos de estepe? E que cada um tem um jeito certo de trocar?

Imagem de pneus para texto sobre Tipos de Estepe

Engana-se quem pensa que estepe é tudo igual.

Antigamente, os carros tinham como estepe pneu e roda exatamente iguais aos que estavam rodando. No entanto, isso começou a mudar de uns anos para cá e existem novos tipos de estepe. 

As mudanças foram necessárias para diminuir o espaço ocupado no porta-malas, reduzir o peso e a massa suspensa nos veículos. Atualmente, são quatro tipos de estepe diferentes.

Cotação online de Seguro Auto

Tipos de Estepe

Estepe integral

O estepe integral geralmente tem pneu e roda iguais às que estão rodando. Fica acomodado dentro do porta-malas ou sob ele, do lado de fora. Um das vantagens é poder aproveitá-lo na primeira troca de pneus do carro. Ao invés de comprar quatro pneus novos, você aproveita o estepe e compra somente três.

Além disso, alguns fabricantes recomendam que o estepe seja colocado no rodízio de pneus, o que acaba aumentando a vida útil do conjunto todo. Outra vantagem do estepe integral é que ele não interfere na dirigibilidade do carro, pois tem exatamente a mesma medida dos demais.

No entanto, alguns modelos usam medida diferente, mas que não chega a ser um estepe temporário. Por exemplo, um carro com quatro pneus de medida 185/65R15 pode ter estepe 185/70R14. A altura do conjunto pneu/roda é a mesma, porém o aro é menor. Neste caso, o rodízio ou a compra de somente três pneus na primeira troca ficam comprometidos.

Ocupar mais espaço no porta-malas é a principal desvantagem do estepe integral. Em modelos que usam rodas de aro grande e pneus largos, o porta-malas fica bastante comprometido. Fora que são mais pesados. E não é só: por ter medidas usadas em vários modelos de carros, está entre os tipos de estepe mais roubados.

Estepe temporário

O estepe temporário usa roda estreita e pneu fino. Serve basicamente para o carro se locomover do local onde o pneu furou até o borracheiro mais próximo para que seja feito o reparo. Com ele, a dirigibilidade do carro é afetada e a direção passa a puxar para o lado em que está instalado. Desta maneira, os fabricantes limitam a velocidade quando está em uso.

Por outro lado, por ser mais fino, o estepe temporário ocupa menos espaço no porta-malas e é mais leve, facilitando sua remoção. Outra vantagem é que por ser exclusivamente usado com o estepe, não tem tanta liquidez e é menos roubado. Cada vez mais modelos saem de fábrica com estepe temporário. É bem provável que em um futuro próximo ele seja o tipo de estepe mais usado.

Pneu run flat com kit de reparo

Run flat é um tipo de pneu que possui as laterais bastante rígidas e não deixa o aro da roda encostar no chão. Desta maneira, você pode continuar rodando mesmo com o pneu sem ar. Ou seja, não tem estepe, apenas um frasco de selante e um compressor de ar.

Funciona assim: quando o pneu perde ar, um alerta é emitido no painel do carro. Você pode continuar rodando normalmente, porém com velocidade reduzida a 80 km/h por no máximo 200 quilômetros. Uma vez parado, você aplica o selante pelo bico do pneu avariado para tapar o furo e usa o compressor ligado na tomada 12 volts para enchê-lo.

A vantagem é que ele não ocupa espaço no porta-malas e você pode até voltar para a sua casa para repará-lo. Só que o selante não veda rasgos ou cortes na banda de rodagem ou nas laterais do pneu. Dependendo do tamanho do furo até dá para continuar rodando com o selante, porém, as fábricas recomendam que troque o pneu todo em caso depois de furado. E a garrafa de selante só repara um pneu. Usou, tem que comprar outra.

Estepe temporário vazio

O estepe temporário vazio é o mais raro de todos os tipos de estepe e é usado em poucos carros importados. É basicamente uma mistura do temporário com o run flat. Ele é menor do que os originais do carro e vai acomodado murcho no porta-malas, ocupando ainda menos espaço. Quando um pneu fura, você precisa tirar o estepe, enchê-lo com um compressor e depois trocá-lo.

Sua única vantagem é ocupar ainda menos espaço do que o temporário normal. Por outro lado, todo o procedimento de troca (retirada do porta-malas, enchimento com o compressor, instalação do estepe e acomodação do pneu furado no porta-malas) pode demorar até 30 minutos.

Pneu furado nunca mais

Uma solução para acabar com todo este trabalho de troca do pneu furado é utilizar um selante. Facilmente encontrado nas lojas de auto-peças, deve ser aplicado nos quatro pneus do carro através do bico. O produto tem consistência pegajosa e emborrachada como um gel e se espalha por toda a parte interna do pneu conforme ele roda. Em caso de furos, o selante veda o buraco e não permite que o ar escape.

Dicas de segurança

Agora que você já conhece os tipos de estepe, vamos às dicas práticas. 

Caso você mesmo resolva trocar o pneu, siga estas dicas de segurança para que o processo seja o mais seguro possível:

  1. Pare em local seguro, de preferência distante da rua ou estrada, e sinalize com triângulo de segurança e pisca-alerta.
  2. Antes de começar a levantar o carro com o macaco, afrouxe os parafusos das rodas sem tirá-los por completo.
  3. Faça a troca em superfícies planas e uniformes para que o macaco fique perfeitamente apoiado no chão. Evite trocar na grama, terra fofa ou paralelepípedos. Em pisos escorregadios, utilize o tapete do carro sob o macaco.
  4. Apoie totalmente a base do macaco no chão antes de começar a levantar o carro. Evite deixar as pernas sob o carro durante a troca.
  5. Ao instalar o estepe, coloque os parafusos em X para que a fixação seja a mais uniforme possível.
  6. Abaixe o carro e dê um aperto final em todos os parafusos.

Seguro auto para ficar seguro

Seja em acidentes, ou qualquer imprevisto que tenha com o carro, contar com um seguro auto faz toda a diferença. Faça uma simulação online de seguro auto e escolha o melhor para você.



Última atualização em 19/11/2019