Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Quatro possíveis causas para a vibração no volante

Imagem do painel do crro com a legenda "o que significa a vibração no volante"

Quatro possíveis causas para a vibração no volante

 

Você segue dirigindo em linha reta, mas às vezes, sem fazer nenhum esforço, seu carro vai naturalmente para outro lado. Você percebe uma vibração no volante. Falta de calibragem? Problema no balanceamento ou no alinhamento?

As causas podem ser as mais variadas, conforme você acompanha nessa postagem.

Sempre é perigoso conduzir um carro que está com qualquer tipo de problema, mas talvez você nunca tenha ouvido dizer que a vibração no volante também pode causar até mesmo desgaste físico ao motorista.

Porque é capaz de gerar dores nos braços e cansaço em todo o corpo. Quanto mais longa a viagem, maiores os efeitos e complicações. Questão de segurança, mas também de saúde. Falando nisso, não esqueça de ver essa lista de coisas para fazer antes de viajar de carro.

4 possiveis causas da vibração no volante

Problemas nos pneus

A vibração no volante pode ser em decorrência de uma má conservação dos pneus. Observe se há desgaste nos pneus. Se de um lado está mais conservado do que o outro, isso pode explicar as trepidações.

Com a quantidade de buracos nas ruas, desníveis e até mesmo o excesso de calor desses dias de verão, os pneus sofrem atritos e desgastes, de forma desigual.

Além disso, verifique a pressão dos pneus. Um problema com a pressão pode desencadear até estouros. Confira quando foi feito o último balanceamento e alinhamento dos pneus do carro.

O objetivo do balanceamento é justamente fazer com que o carro circule sem vibrações.

O alinhamento, por sua vez, ajusta os ângulos das rodas. Lembre-se também de que todo carro possui um manual que explica a calibragem ideal dos pneus. Respeite a numeração indicada pela fabricante.

Problemas nas rodas

Se a trepidação está bem forte no volante é sinal forte de que talvez o defeito esteja nas rodas e não necessariamente nos pneus.

Pode haver parafusos frouxos ou problemas na estrutura, que precisarão ser avaliados por um técnico especialista.

Problemas no motor

Já falamos aqui como identificar os problemas do motor através dos barulhos.

Uma indicação é verificar se há defeitos nas velas ou nos cabos que ligam a elas. Se, enquanto dirige, seu carro vibra muito mais durante a aceleração, vale a pena checar esse compartimento também.

Não deixe de checar, ainda, o propulsor, porque talvez ele não esteja recebendo o combustível na quantidade suficiente.

Problemas nos freios

Se, ao contrário, o volante parece vibrar mais quando você aciona o freio, a indicação é de um problema nos rotores. É possível que que a causa esteja no disco de freio.

Por questão de segurança, nesse caso, você precisa levar seu carro a uma oficina mecânica imediatamente para uma análise mais aprofundada e solução do problema.

Nesse post, você conferiu quatro entre as causas mais recorrentes para a vibração do volante do seu carro.

Não deixe de levar seu carro a um profissional mecânico de sua confiança para reparar os problemas do veículo e garantir toda a proteção que você merece.