Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Celular travando? Saiba como resolver

Mulher no Celular

Celular travando? Saiba como resolver

Você está voltando para casa no transporte público e resolve jogar um Candy Crush para se distrair. Tudo está indo muito bem, você consegue passar aquela fase dificílima quando, de repente, o seu celular trava. A tela fica congelada e você não consegue mais abrir nenhum aplicativo.

Já aconteceu algo parecido com você? Os celulares sofrem congelamentos repentinos após algum tempo de uso. Isso pode acontecer por falta de memória para rodar o volume de dados armazenados no aparelho, por necessidade de atualizar o sistema operacional, que dão aos smartphones condições melhores para gerenciar os arquivos, aplicativos, fotos, vídeos e tudo mais que estiver armazenado. Também pode ser que algum aplicativo esteja com erro e trave o celular ou ainda que você tenha baixado acidentalmente um vírus no aparelho.

Veja abaixo as principais causas que podem levar ao travamento do celular e como fazer para evitá-las. Agora, para proteger seu celular contra roubo, furto, danos elétricos e queda, tenha um seguro de celular. É fácil, rápido e tudo online!

  • Sistema operacional desatualizado

É importante atualizar seu sistema operacional sempre que surgir uma nova versão, pois isso impedirá que softwares maliciosos se alojem no sistema sem sua permissão.

Além disso, um sistema desatualizado pode causar lentidão e travamentos, pois as atualizações surgem para corrigir possíveis falhas. Ou seja, caso você não atualize, pode ser que você tenha problemas com coisas para as quais já encontraram as soluções.

Para resolver isso, basta ir na seção de “Sobre o telefone” e depois clicar em “Atualizar o Sistema”.

  • Memória de armazenamento insuficiente

Você conhece alguém que tem todos os tipos de aplicativos possíveis? Aplicativos para foto, vídeo, conversa instantânea, de mídias sociais e, claro, joguinhos? De fato, a quantidade de aplicativos existentes no mercado é alta e diversos deles são bastante úteis no dia a dia.

Porém, ter todos esses aplicativos pode custar caro para o sistema do seu celular, que será comprometido com níveis baixos de espaço livre. Portanto, é bom fazer uma limpa nos aplicativos frequentemente. Avalie o que você realmente usa e é importante para você. Além disso, faça um backup dos arquivos como fotos e vídeos, passando eles para um computador, hd externo ou nuvem. E, por fim, limpe o cache e os dados dos aplicativos que são utilizados com frequência.

Você já conhece Porto Seguro Conecta?

É a operadora de telefonia da Porto Seguro. Considerada a melhor operadora pela Anatel, ela oferece vários planos para diferentes necessidades. Conheça os planos e solicite seu chip online! Conhecer o Porto Seguro Conecta >>

  • Fechar aplicativos em segundo plano

Alguns aplicativos agem em segundo plano ou em plano de fundo, como os papéis de parede e outros serviços que ficam ativos mesmo quando o usuário não está com a interface dele aberta. Isso é mais um motivo que pode levar seu celular ao travamento, pois interfere na memória RAM do aparelho, que recebe as informações da memória de armazenamento e deixa elas aberta temporariamente, disponibilizando este conteúdo ao processador.

Para acabar com isso de vez, lembre-se de fechar os aplicativos quando não estão sendo utilizados e delete os que não são importantes.

  • Fazer Jailbrake (iOS e Windows Phone) ou Root (Android)

Esses dois são métodos de interferência no sistema operacional de forma alternativa e não autorizada pela fabricante. E fazer isso pode causar travamentos constantes.

Isso pois, utilizando essas duas ferramentas, o usuário possui mais liberdade para realizar funções que anteriormente não seria capaz, o que é bom pensando no lado positivo. Porém, pensando no lado negativo, aplicativos não oficiais poderão ser instalados e a entrada de vírus fica mais suscetível. Além disso, o usuário pode apagar serviços cruciais para o bom funcionamento do celular.

  • Dar reset no celular

Quando o caso do travamento é mais grave e constante – e não destravar após seguir as dicas acima – você pode resetar o aparelho, ou seja, reiniciá-lo com as características originais dele. Mas lembre-se: aplicativos que estavam no aparelho, fotos, vídeos, músicas e todos os outros dados armazenados no aparelho serão apagados. Então, não esqueça de passá-los, antes, para algum outro local de armazenamento.

Essas dicas irão diminuir travamentos no seu aparelho. É interessante também você ter um seguro celular, que irá cobrir riscos que envolvem quebra, derramamento de líquido, roubo e furto. Além de cuidar do sistema, você protegerá também a ‘casca’ do aparelho. Tem dúvidas sobre seguro de eletrônicos? Confira aqui!

Se ficou interessado em contratar um seguro, veja aqui algumas dicas para contratar um seguro smartphone.

+ Veja como escolher uma senha segura para seu Android