Existe Seguro de Vida com Previdência? Saiba mais!

seguro de vida com previdência

Existe Seguro de Vida com Previdência? Saiba mais!

Seguro de vida e previdência privada são termos sinônimos de proteção e estabilidade financeira para a família. É com eles que o titular poderá deixar recursos para os beneficiários, sem a necessidade de inventário. Mas será que existe seguro de vida com previdência? Ou preciso adquirir os dois produtos separadamente? 

A verdade é que nem o seguro de vida e nem a previdência excluem um ao outro. Você vai descobrir como inserir ambos no seu planejamento financeiro e vai tomar a melhor decisão por apenas um só.

Cotação online de Seguro de Vida

Seguro de Vida x Previdência: quem sai ganhando?

Primeiramente, é importante que a gente comece com um conhecimento geral das principais características desses produtos. Apesar de parecerem ter muito em comum, eles podem apresentar aspectos individuais decisivos para a sua percepção. Vamos entender um pouco de cada um para ver a importância de aliar seguro de vida com previdência privada.

Sobre a Previdência Privada 

O objetivo da previdência privada é a geração de renda na aposentadoria do titular. Isso ocorre a partir da contribuição e dos investimentos aplicados a esse modelo. Esse recurso que é acumulado pode ser utilizado ainda em vida, com a escolha de algum tipo de reversão em renda. Ou então pode ser deixada aos beneficiários para a ocasião de morte. 

A vantagem dessa transferência para outras pessoas é que a previdência não entra no fluxo de inventário. Ou seja, é possível um resgate mais rápido e menos burocrático. 

Em relação à tributação, os planos de previdência são considerados investimentos financeiros. A taxação de imposto de renda para resgate ou recebimento de valores é feita de forma progressiva, de zero a 27,5%, ou regressiva, de 35 a 10%.  

A previdência privada pode sofrer com a possibilidade de penhora, caso o titular venha a receber um processo que tenha os seus bens como fim. Apesar disso, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) entende que rendas de até 40 salários mínimos, aproximadamente R$ 40 mil reais, não são justas de penhora. Isso ocorre somente em caso de má fé com a receita pelo titular.

Em relação a cobrança de impostos pelo estado, isso pode variar de acordo com o estado. 

Sobre o Seguro de Vida

Se você pensa em combinar seguro de vida com previdência privada, é preciso entender também como ele funciona.

O seguro de vida tem como finalidade o planejamento financeiro sucessório para herdeiros em caso de morte ou invalidez do titular. É uma forma de proteger e resguardar a saúde financeira daqueles que continuam em vida. 

Para esse caso, o pagamento do valor investido está diretamente ligado a esse acontecimento. Ou seja, o segurado não consegue resgatar o dinheiro aplicado em vida. Exceto para modalidades de seguro de vida específicos que preveem esse formato. 

Vale lembrar que, diferente da previdência privada, que depende do acúmulo de outras rendas, o seguro de vida pode ser considerado um atalho que varia de acordo com o investimento financeiro realizado. 

O seguro de vida é livre de inventário. Ele tem essa característica como atração, pela facilidade de resgate, e também por não depender das outras fontes de receita para ser beneficiado. Isso quer dizer que mesmo que o titular não tenha deixado mais nada, além do seguro, para os seus herdeiros, o seguro virá compensar essa necessidade. 

Outras características importantes, é que o seguro de vida é isento do imposto de renda, não participa de processos de penhoras e também não está apto à cobrança de ITCMD.

Quais as vantagens de aliar Seguro de Vida com Previdência Privada? 

Apesar das suas semelhanças e diferenças, unir o seguro de vida com previdência privada pode ser sim uma ótima vantagem para você. Veja algumas delas:

Proteção contra invalidez

O seguro de vida garante esse processo, enquanto na previdência privada, provavelmente, esse recurso seria utilizado para custear esse processo. Ou seja, o seguro de vida irá complementar e garantir que esses recursos sejam mantidos e definidos para a sua verdadeira finalidade, com o uso durante a aposentadoria ou por herdeiros com a sua morte. 

Descontos com o ITCMD em caso de morte

Como mencionamos aqui, o seguro de vida não apresenta descontos de ITCMD, enquanto a previdência pode aplicar esse imposto. Isso quer dizer, que no caso da morte do titular durante o acúmulo da renda na previdência, o imposto poderá ser efetivo. Isso reduzirá exponencialmente a capacidade de receita recebida por parte dos herdeiros. 

Aliar o seguro de vida com previdência, ajuda a garantir que esse impacto não seja tão representativo. O mesmo pode ser considerado no caso de morte durante a aposentadoria. 

Planejamento sucessório

O seguro de vida com previdência privada juntos podem significar uma excelente forma de planejar a sucessão dos bens para os seus herdeiros. Podemos considerar todos os itens que dispusemos aqui e outros que aparecem nesse momento tão complicado na estrutura, emocional e financeira, familiar.

Como equilibrar o investimento em Seguro de Vida com Previdência Privada?

Planejamento financeiro é a palavra-chave quando pensamos em como equilibrar seguro de vida com previdência privada. Antes que tudo pareça demasiadamente complexo preparamos algumas dicas para você executar antes de tomar as suas decisões:

  1. Primeiramente você deverá definir qual valor deseja acumular para ter como renda durante a sua aposentadoria. Esse valor deverá ser o mesmo aplicado na contratação de um seguro de vida. 
  2. Em paralelo, você continuará arrecadando verba com a sua previdência privada, de acordo com o que está gerando de renda. A medida em que esse plano de previdência começa a ganhar forma você entende que já está acumulando uma receita interessante para o seu planejamento. Aí então é a hora de começar a reduzir os investimentos dentro do seguro de vida. Isso pode ser feito nas renovações de contrato que ocorrem anualmente.
  3. Lembre-se também de considerar o seu tempo de contribuição que ainda está por vir e inclua essas expectativas dentro do planejamento financeiro. Ou seja, se você começar esse processo ainda com uma idade mais nova, as chances de acumular mais receita tanto no seguro de vida quanto na previdência, são maiores.

Então, mesmo que seja complicado para você pensar a longo prazo ou manter-se fiel a um planejamento financeiro, lembre-se que o seguro de vida com previdência privada poderá elevar a sua estabilidade e dos seus sucessores. 

Faça uma cotação online para adquirir o seu seguro de vida aqui na Bidu, e viva a vida com mais tranquilidade. 

 

 

Última atualização em 28/11/2019