Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Plantas fáceis de cuidar

plantas-faceis-de-cuidar

Plantas fáceis de cuidar

Se você é apaixonado por plantas, mas acha que não tem a mão boa para cuidar delas, pode ser que não tenha escolhido as espécies corretas para o seu estilo de vida e ambiente. As plantas demandam diferentes cuidados e cada uma delas exige um tipo de luz, muita ou pouca água, vasos específicos, etc. Como já falamos aqui no blog, plantas trazem boas energias! Além disso, algumas plantas purificam o ar do seu lar. Então, invista nelas.

Para deixar a casa verdinha e cheia de vida, no entanto, não é necessário ter grandes conhecimentos sobre botânica ou jardinagem. Basta optar por plantas fáceis de serem cuidadas e que têm grande autonomia no seu desenvolvimento natural.

Para quem quer iniciar um jardim, o custo também é um fato importante e escolher plantas mais baratas pode trazer um resultado surpreendente. O mais importante, neste caso, é investir em solo orgânico, substratos, adubos e vasos apropriados.

Veja abaixo algumas espécies de planta fáceis de cuidar e indicadas para quem não tem muito tempo para dedicar a elas.

Alpínia

Alpínea

 

Com tonalidades avermelhadas, a Alpínia é muito utilizada em arranjos tropicais. Esta planta origina flores pequenas que variam entre o rosa e o branco, dando um efeito super legal pra quem gosta de colocar mais cor dentro de casa. Ela pode ser cultivada à meia sombra ou em pleno sol e exige água em pouca quantidade em dias alternados.

Dinheiro em pencaDinheiro-em-penca

Também utilizada como forração, a Dinheiro em Penca é uma folhagem miúda que lembra bastante o formato da hortelã. Ela se desenvolve sozinha e pega tão fácil que é possível encontrá-la até mesmo nos vãos de pedras, calçadas e outros terrenos hostis.

Dracena de Madagascar

Dracena-de-Madagascar

De porte arbustoso, a Dracena deve ser plantada em vasos altos e largos, pois cresce bastante, sendo muito utilizada em interiores. Elas suportam bem a negligência de água, no entanto é necessário ficar de olho nas pontas que podem se ressecar e ganhar um tom escuro.

 

 

BabosaBabosa

Também conhecida como Aloe Vera, a Babosa pode ser cultivada em sol pleno ou meia sombra. Gosta de irrigações periódicas e solo com ricos compostos orgânicos.

Cactos

Cactos

São as plantas que menos precisam de água. Mas é necessário ficar atento a possíveis manchas que podem indicar a presença de fungos por excesso de umidade. Utilizados em interiores, eles têm vários tamanhos e estilos, podendo ser cultivados à meia sombra ou sol pleno. Lembre-se de que o tamanho do vaso deve acompanhar o potencial de crescimento do cacto.

 

 Lança de São Jorge

Lança-de-São-Jorge

A Lança de São Jorge vai bem em interiores e em exteriores. Dando-se muito bem com a luz difusa, ou indireta. Aposte no enriquecimento do solo com matéria orgânica e irrigue de duas a três vezes por semana.

Estas são algumas das opções indicadas para quem não tem muito tempo para se dedicar às plantas. Se você tiver alguma outra sugestão, deixe pra gente nos comentários!