Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

5 dicas para você vender imóvel mais rápido

Vender imóvel

5 dicas para você vender imóvel mais rápido

Sabemos que o período em que estamos vivendo no Brasil não é o melhor para quem deseja vender imóvel. Porém, mesmo com uma expectativa de uma tímida melhora, sim, é possível acelerar o processo e garantir um bom negócio.

Mesmo em períodos de baixa procura, sempre há quem esteja procurando um apartamento ou casa para comprar. Tentar identificar esse público e atraí-lo para a sua oferta é o princípio de uma boa negociação.

Abaixo, nós damos algumas sugestões para você fechar essa venda rapidinho.

Imagem é tudo

Faça boas fotos do seu imóvel (que deve estar limpo e sem bagunça). Se não puder contar com um fotógrafo profissional ou aquele sem amigo que entende de fotografia, aproveite a luz do dia e deixe o espaço com o máximo de iluminação natural possível. Assim, as fotos de celular tendem a ficar bem melhores. Separamos algumas dicas para tirar foto da casa com qualidade de revista.

Busque ângulos mais amplos e tente mostrar detalhes importantes em fotos mais fechadas, como por exemplo, de armários embutidos, luminárias, etc.

Aproveite aplicativos e grupos

Hoje, não precisamos depender exclusivamente de imobiliárias para fechar negócios de compra e venda de imóveis. Se você for antenado com a tecnologia, faça bom proveito de grupos para negócios imobiliários no Facebook. Busque esse tipo de grupo na sua cidade, é muito provável que já exista um.

Utiliza também os aplicativos que podem facilitar e muito a sua vida. App do Imóvel, Zap Imóveis e Viva Real são alguns exemplos. Tanto nos grupos quanto nos aplicativos, utilize as fotos da disca acima.

A tecnologia é sempre uma ótima ferramenta para quem quer vender imóveis. Faça também anúncios de boa qualidade e com informações suficientes para os interessados te encontrarem e terem as informações necessárias.

Repense o valor

Sua casa ou apartamento realmente vale o que você está pedindo? Contrate um bom avalista e dê uma olhada nos valores que estão sendo pedidos nos imóveis da sua região. O mercado é quem estabelece o preço do seu imóvel e, muitas vezes, o proprietário acaba não se encaixando na média por levar em consideração valor afetivo e outros fatores imateriais.

Cuide do imóvel

Imóveis descuidados, com reboco aparente, com mato crescido e aparência de desleixo sempre ficam  de fora da listinha de prioridades dos compradores. Ninguém gosta de adquirir um imóvel que foi tão maltratado pelo antigo dono e pelo tempo. Isso significa que muitos reparos, reformas e manutenções serão necessários, ou seja, gastos extras pela frente.

Contrate um profissional

Se você se sente inseguro para fechar negócios de compra e venda de imóveis ou não tem tempo para se dedicar a isso com o cuidado necessário, peça o auxílio de uma imobiliária idônea e de confiança. Fale com amigos para receber indicações de empresas e de corretores. Mesmo com a porcentagem da venda, um profissional pode evitar dores de cabeça e ainda resolver a parte chata, que são os serviços burocráticos.

Seguindo essas dicas, agora é só torcer para que o negócio seja fechado logo. Bons negócios! E não esqueça de ver qual é a melhor opção para você: alugar ou comprar um imóvel.

E quando escolher seu lar, doce lar, contrate o seguro residencial para protegê-lo dos principais riscos!