Como escolher o melhor Seguro Viagem para América do Sul?

Viajar com tranquilidade exige alguns investimentos como o seguro viagem. Independente de qual seja o seu destino, ter a garantia desse serviço vai deixar o seu passeio mais completo e divertido. Mas, com tantas opções de seguro no mercado, você sabe como escolher o melhor seguro viagem para América do Sul?  

Imagem de Globo para ilustrar texto sobre o melhor seguro viagem para América do Sul

É importante ter um seguro viagem ao viajar pela América do Sul.

Para ajudá-lo nessa decisão, preparamos um arquivo com as principais informações para que você possa fazer a melhor escolha.

Cotação Online de Seguro Viagem

Melhor Seguro Viagem para América do Sul

Muitos brasileiros aproveitam feriados prolongados ou até mesmo o período de suas férias para conhecer países próximos, como Chile, Argentina, Uruguai e Peru. Mas, engana-se quem acha que por ser mais fácil entrar nesses locais como turistas, o seguro viagem torna-se apenas opcional.

Países como Venezuela, desde 2013, e Equador, desde 2018, passaram a exigir cobertura mínima para despesas com saúde e extravio de bagagem aos seus turistas. 

Além disso, não é porque são países vizinhos que as necessidades que se referem o seguro viagem se tornam menos importantes. Afinal, é muito importante contar com as coberturas que o seguro viagem oferece.

Na dúvida, consulte também as embaixadas desses países. Tenha mais informações específicas sobre o seu destino para não errar na escolha do melhor seguro viagem para América do Sul

Por que contratar um Seguro Viagem para viajar para América do Sul?

Antes mesmo de escolher qual é o melhor seguro viagem para América do Sul, vamos entender os motivos que fazem o seguro viagem ser tão fundamental.

Quando programamos uma viagem para algum país da América do Sul, o seguro viagem tem que estar no planejamento. Os motivos são vários e vão além da questão de que pode haver um problema de saúde durante a viagem.

O sistema público local dos nossos países vizinhos pode apresentar variações na qualidade do atendimento. Por isso, é melhor não arriscar e escolher o melhor seguro viagem para América do Sul.

A América do Sul oferece a possibilidade de muitos esportes de aventura como o esqui por exemplo. Essa prática de esporte, diferentes da nossa rotina tropical, pode trazer muita diversão, mas também alguns machucados e acidentes. Fique atento pois, se você vai praticar esportes de aventura durante a viagem, deve contratar um seguro viagem que cubra esportes radicais

Outro ponto importante a considerar é a alimentação. É muito comum sair da nossa rotina alimentar quando viajamos. Mais ainda, é natural querer experimentar mais sobre a cultura e sabores locais. Mas isso pode causar alguns problemas e desconfortos. 

A altitude também pode ser um ponto importante. Muitas pessoas acabam sentindo falta de ar, ânsia de vômito, fadigas e dores de cabeça, por conta da diferença de altitude. Essa sensação é também conhecida como “mal de atitude”. Se o seu destino envolve um local de altitude elevada ou haverá deslocamentos que envolvem oscilações na altitude, é melhor se prevenir. 

Portanto, na hora de escolher o melhor seguro viagem para América do Sul, é importante estar atento aos pontos de cobertura. Desta forma, você não será pego desprevenido em algumas situações como as que citamos acima. 

O que o melhor Seguro Viagem para América do Sul oferece?

O seguro viagem oferece um serviço de cobertura, assistência e suporte para diversos fins. Entre eles estão:

  • Reembolso para despesas médicas e farmacêuticas;
  • Cobertura em caso de extravio ou perda de bagagens;
  • Reembolso em caso de cancelamento de passagens;
  • Traslado médico;
  • Regresso sanitário.

Há também opções de seguro viagem mais personalizados. Quem busca o melhor seguro viagem para América do Sul, deve conhecer esses seguros personalizados. Eles podem, inclusive, ajudá-lo a escolher qual modelo combina mais com o seu perfil como viajante.

Se você vai, por exemplo, viajar para algum país onde vai esquiar ou fazer algum outro esporte radical, há seguro para casos de acidentes na prática de esportes radicais, como o esqui.  É muito comum brasileiros viajarem no inverno para esquiar nas montanhas da Argentina e do Chile.

O ideal, também, é você não deixar de incluir, pelo menos, a cobertura para reembolsos e cancelamentos referentes ao deslocamento da viagem.

Quem pode contratar um Seguro Viagem para América do Sul?

O seguro viagem pode ser contratado por qualquer pessoa com facilidade, exceto para os seguintes casos, que exigem alguns entendimentos:

  • Mulheres grávidas a partir de 34 semanas;
  • Mulheres grávidas com idade superior a 40 anos;
  • Idosos com idade acima de 80 anos.

O que acontece se eu não contratar o Seguro Viagem para América do Sul?

Caso você escolha não adquirir o seguro, você poderá ter que arcar com algumas consequências. 

Para o caso da América do Sul, países como o Brasil, Argentina e Paraguai oferecem serviços médicos gratuito e público a turistas. No Chile, esse atendimento só é realizado para atendimentos de urgência, com risco de morte, e até a sua estabilização.

Já em outros países como Peru, Uruguai, Colômbia, Equador e Bolívia, esse atendimento não é prestado nem em caso de urgências.

Quanto custa um Seguro Viagem para a América do Sul?

O valor do seguro viagem varia de acordo com alguns parâmetros como:

  • Destino na viagem;
  • Tempo de duração da viagem;
  • Idade do viajante;
  • Itens que você vai querer dispor em sua assistência.

Mais uma vez é muito importante você colocar o planejamento da viagem em prática. Assim, dá para entender exatamente o que precisa e contratar somente o que lhe for necessário.

Para entender melhor como o seguro viagem vai interferir no seu bolso, faça uma cotação online e escolha o melhor seguro viagem para América do Sul.


Saiba também como escolher o melhor seguro viagem para o Caribe.

Última atualização em 04/08/2019