Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Quanto custa o seguro viagem

Imagem de carteira para viagem para ilustrar texto sobre quanto custa o seguro viagem

Quanto custa o seguro viagem

A maioria das pessoas prestes a viajar fica na dúvida se deve contratar o seguro viagem. Elas acabam repensando a necessidade porque não querem ter mais um despesa de viagem. Mas saber para que serve e quanto custa o seguro viagem é fundamental para você tomar a melhor decisão.

Imagem de carteira para viagem para ilustrar texto sobre quanto custa o seguro viagem

Os seguros viagem podem ter valores diferentes de acordo com o que oferecem

E vamos te dar uma dica. A melhor decisão é a de que você não deve deixar o seguro de lado. Vamos citar o caso dos Estados Unidos para exemplificar. Lá, no caso de uma emergência sem ter a assistência do seguro, você vai pagar no mínimo US$350 por uma simples consulta. Um típico caso do barato que acaba saindo caro.

Na Europa você corre o risco de não entrar no país sem um seguro viagem, já que é obrigatório para turistas estrangeiros. E, assim você vai percebendo que, no fim das contas, o seguro nem é tão caro assim.

Para te ajudar a tomar essa decisão e entender melhor quanto custa o seguro viagem, vamos primeiro falar das variáveis. Vamos ver o que pode deixar um seguro mais caro ou mais barato.

O que é o seguro viagem

Resumindo, ao contratar um seguro viagem, você não está desamparado em caso de acidentes ou emergência. Isso também significa que você não terá gastos extras nesses casos se tiver um seguro viagem. A assistência vai desde consultas médicas até emergências, remédios, traslado médico até extravio ou perda de bagagem. Tudo depende de qual seguro você contratou.

Para te ajudar a tomar a decisão de fazer ou não e entender melhor quanto custa o seguro viagem, vamos primeiro falar das variáveis – o que pode deixar um seguro mais caro ou mais barato.

A cobertura oferecida

Existem diferentes tipos de seguro de viagem variando de acordo com a sua cobertura. Quanto maior a assistência e cobertura, mais alto será o preço também.

Um outro caso a considerar que pode variar o valor do seguro é quando você viaja para a Europa. Lá, é necessário ter seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil dólares para a entrada de estrangeiros no país. Portanto, viajar pra lá com o seguro mais barato que você encontrar não funciona – tem que ficar de olho na cobertura. 

Muitas vezes, por não saber exatamente o que foi contratado, a pessoa acaba não tendo a cobertura que esperava. Veja quais são as principais reclamações de seguro viagem.

Duração da viagem

Quanto mais tempo você passar no seu destino de viagem, mais caro será o seu seguro viagem. Esse é um dos fatores que mais influenciam no valor do seu seguro. Isso porque você terá uma cobertura diária durante a viagem.

Idade

A idade é outro fator que interfere no preço do seguro viagem. A maioria das seguradoras cobram um valor mais alto de cobertura para pessoas mais velhas (a partir de 60, 70 ou 80 anos). Mas algumas seguradoras não fazem nenhuma distinção de idade e então o valor é o mesmo para todos.

Tipo de viagem

É importante lembrar que se você estiver fazendo uma viagem que envolva esportes de aventura e de risco (ski, surfe, paraquedas, etc), o seguro viagem regular não oferece cobertura em caso de acidentes.

Portanto, se quiser estar assegurado e obter assistência no caso de algum imprevisto, é necessário contratar um seguro especial para esse tipo de viagem. E isso também pode interferir no valor que você vai pagar.

A seguradora

O preço varia também de acordo com a seguradora que você está contratando. Cada uma cobra o seu preço para as coberturas. Portanto, o ideal é fazer uma cotação com diferentes seguradoras.

Quanto custa o seguro viagem

Vamos te ajudar você a entender melhor quanto custa o seguro viagem e como funcionam os valores. Apresentaremos aqui alguns exemplos de intervalos de preços e o que cada um deles oferece como cobertura. Vamos considerar uma viagem de sete dias para qualquer país e ignorar as variações de preços de acordo com a idade do segurado. No entanto, é importante dizer que são apenas exemplos e que esse preços podem variar.

Seguro viagem de R$ 70 a R$ 100

O intervalo de seguro viagem de R$70 a R$100. É o mais barato das nossas simulações e possuem coberturas que podem variar entre US$30 mil e US$60 mil. Também possui cobertura para bagagens de US$1200.

Seguro viagem de R$ 100 a R$ 300

É o valor que a maioria das pessoas costuma pagar pela cobertura de uma viagem como essa do exemplo que utilizamos. E para esse intervalo de valor, as coberturas podem variar de US$ 15 mil e chegar a US$ 250 mil. Também há cobertura para bagagens no valor mínimo de US$ 1 mil até US$ 2 mil.

Seguro viagem de R$ 100 a R$ 600

Como é de se esperar, aqui você terá uma cobertura maior porque está pagando mais. Aqui a cobertura varia entre US$330 mil e US$ 1 milhão. E o seguro bagagem não é muito diferente dos planos anteriores, entre US$1500 a US$ 4500.

O que avaliar na hora de contratar um seguro viagem

Na hora de contratar o seguro viagem, é importante que você não olhe somente para o preço que está pagando. É importante avaliar alguns fatores para garantir que você está viajando bem assegurado.

  • A cobertura no detalhe: apesar do mesmo preço, os seguros podem variar em pequenos detalhes que às vezes não damos atenção. Por exemplo, alguns oferecem assistência odontológica, além de assistência médica. Podem oferecer assistência com bagagem extraviada, despesas para acompanhante em caso de necessidade, etc. É legal você ler com calma a apólice do seguro para que, em caso de emergência, você saiba que tipo de assistência tem direito.
  • Quanto custa assistência médica no país que você está viajando: é importante lembrar que em alguns países uma simples consulta médica de emergência pode sair bem caro. Os Estados Unidos, por exemplo, é um dos países mais caros neste caso, o que deixa o seguro viagem ser mais importante ainda para uma viagem ao país. Deixar de fazer o seguro mostra que o barato pode sair caro.
  • Quando o seguro é obrigatório: como mencionado anteriormente, a Europa exige o seguro viagem de turistas estrangeiros. Assim como Cuba e Venezuela. Ou seja, nestes casos você não tem muita escolha.