Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Como funciona o seguro saúde para intercâmbio

Quem pensa em fazer um intercâmbio sabe que precisa de uma boa organização. Quanto maior a antecedência do planejamento, menor é o risco de algo dar errado na sua experiência. Além de pensar em todos os documentos, visto e questões relacionadas à escola e moradia, há um outro detalhe que não pode ficar de fora: o seguro saúde para intercâmbio.

Imagem de mulher viajando ilustrando post sobre seguro saúde intercâmbio

Fazer um seguro saúde intercâmbio é um dos primeiros passos para garantir tranquilidade na sua viagem.

Muitos países exigem que o estudante tenha um seguro viagem para intercâmbio. Mas mesmo se o país para onde você estiver viajando não tiver isso como regra, contratar um seguro saúde para intercâmbio é super importante.

Quer um exemplo? Os gastos com uma consulta médica, caso você precise, são bem altos no exterior. Um voo cancelado ou uma mala extraviada podem trazer muito prejuízo e dor de cabeça.

Mas se você tiver um seguro saúde internacional para estudantes, você não precisará se preocupar com esse tipo de coisa. O seguro oferece assistência e coberturas nesses casos e em outros.

Vantagens de contratar um seguro saúde para intercâmbio

O seguro saúde para intercâmbio é importante para dar assistência aos estudantes que vão morar em outro país.

Como o intercambista está numa situação mais vulnerável no exterior, é importante saber que ele terá cobertura se houver algum problema de saúde.

O seguro viagem pode ajudar o estudante a agendar uma consulta, por exemplo, ou em caso de emergência. Basta ligar para a seguradora que ele terá o apoio e assistência necessários.

Além da questão da saúde, existe um outro tipo de cobertura que inclui cancelamento ou perda de voos, extravio de bagagem, perda de documentos, etc.

Mesmo que você seja uma pessoa cuidadosa, a vulnerabilidade pode acontecer de diversas maneiras.

Por exemplo, no Brasil não estamos acostumados com baixas temperaturas. Portanto, se você vai morar em um país com inverno rigoroso e até neve, seu organismo pode reagir de forma estranha por não estar acostumado com esse ambiente. Ou então se você vai para um país com a culinária muito diferente da brasileira, com temperos diferentes do que você está acostumado.

É bom saber que você terá alguma assistência caso passe mal com uma intoxicação alimentar.

Para resumir as vantagens básicas da contratação do seguro saúde para intercâmbio, podemos dizer:

  • Você irá viajar com mais segurança e terá assistência no exterior caso seja necessário,
  • Existem diversos tipos de planos de seguro viagem para intercâmbio e com isso você consegue encontrar preços acessíveis;
  • Gera economia caso você tenha qualquer problema de saúde (não precisa gastar dinheiro com médicos e hospitais);
  • Você pode contratar o seguro pelo tempo que você quiser, uma flexibilidade bem importante já que os intercâmbios têm diferentes durações.

Quais são as assistências oferecidas pelo seguro saúde para intercâmbio

  • Atendimento em hospitais particulares. Caso o estudante de intercâmbio tenha algum problema de saúde, ele pode se dirigir para hospitais e centros de saúde particulares. Assim, o estudante não precisa esperar atendimento da rede pública do país;
  • Atendimento de emergência. Em caso de emergências que apresentam risco de vida ao estudante, o atendimento será imediato (incluindo a cobertura de todos os procedimentos necessários);
  • Em caso de urgência. Procedimentos necessários ao estudante terão cobertura do seguro viagem quando o estudante precisar de atendimento rápido, mas sem risco de morte;
  • Acidentes pessoais. Precisando de atendimento médico em caso de acidentes como quedas, cortes, queimaduras, o intercambista terá cobertura para os procedimentos necessários;
  • Internação. Caso o estudante precise de internação, o seguro viagem oferece cobertura;
  • Exames. Precisa fazer exames em caráter de urgência? O seguro cobre esse serviço também;
  • Próteses. Se o intercambista precisar de implantação de próteses em caráter de emergência, como após uma fratura de membros, o seguro viagem tem condições de oferecer cobertura;
  • Desconto em medicamentos. Com prescrição médica, o intercambista pode ter descontos em medicamentos;
  • Consultas médicas. Em casos de problemas urgentes e emergências, existe cobertura para consultas médicas;
  • Cirurgia. Cobertura em caso de cirurgias de emergência como apêndice, úlcera entre outras;
  • Acompanhante. Caso o intercambista precise ficar internado por longos períodos, existe cobertura para acompanhantes. Algumas categorias de seguro viagem incluem até passagem aérea de ida e volta e hospedagem para acompanhante;
  • Odontologia. Em caso de problemas odontológicos de emergência em pronto socorro como cáries, canais, problemas na gengiva e necessidade de curativo, o seguro viagem para intercâmbio oferece cobertura.

Além disso, ainda há assistência em caso de morte acidental, regresso sanitário, traslado médico e assistência funeral.

Como escolher o seguro saúde para intercâmbio

O melhor seguro saúde internacional para estudantes, é aquele que oferece todas as coberturas que ele precisar.

Um plano completo e que inclua as coberturas citadas acima é um bom exemplo de seguro viagem para intercambistas. Mas, principalmente, você precisa verificar se o seguro que está contratando oferece cobertura para uma longa viagem.

Para isso, as seguradoras criaram um plano exclusivo de seguro viagem para intercâmbio. O valor sai mais em conta do que os seguros de viagem regulares, mas garantem a mesma (ou melhor) cobertura que os seguros de um turista comum.

Para o seguro intercâmbio, os estudantes podem ter cobertura adicional para viagens marítimas, para atividades de aventura e risco e existe até um seguro especial para quem vai estudar na Europa.

Se você estiver na dúvida sobre qual seguro de viagem escolher, lembre-se de escolher uma seguradora renomada. Aqui estão algumas dicas para o momento da escolha do seguro:

  • Pesquise sobre a seguradora antes de assinar o contrato;
  • Verifique com atenção quais são as coberturas incluídas no seu plano e se você precisa adicionar mais alguma;
  • Verifique qual é o valor de cada cobertura;
  • É importante também verificar qual é o prazo do plano, se ele é longo suficiente até a sua volta.

Com o seguro viagem para intercâmbio, o estudante pode se concentrar nos estudos e os pais podem ficar tranquilos no Brasil. A seguradora fará o resto, prestando sua assistência num momento de necessidade. Consulte agora aqui no site da Bidu qual é o melhor seguro viagem para o seu intercâmbio.

+ Como funciona o intercâmbio