Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Seguro de viagem básico: ele é suficiente para sua viagem?

Seguro viagem

Seguro de viagem básico: ele é suficiente para sua viagem?

País escolhido, passagens compradas e mala pronta. Tudo o que você precisa para fazer aquela viagem  inesquecível, certo? Mas, e se você contratou um seguro de viagem básico que não cobre tudo o que é necessário? Aí, suas férias podem realmente ser inesquecíveis, mas não por um bom motivo.

Na hora de contratar um seguro de viagem você precisa considerar todas as opções e analisar bem o seu destino. E se algo acontecer e você não tiver seguro ou se tiver optado por um seguro de viagem básico sem uma cobertura razoável? Em alguns casos, os gastos médicos com problemas ocorridos fora do Brasil podem extrapolar o gasto total da sua viagem.

Devo escolher o seguro de viagem básico?

Sua viagem pode não envolver atividades radicais como escalar montanha, passeios em correnteza, mountain bike, entre outras. Mas sempre há a possibilidade de uma queda na rua, um atropelamento, ou simplesmente ficar doente na viagem. Este último exemplo pode ser muito comum quando a viagem é para lugares extremamente frios.

O melhor a fazer é verificar qual é exatamente a cobertura do seguro viagem básico que você quer contratar. A maioria das pessoas tem dificuldade em entender o valor ideal de cobertura para alguns países mais caros. E por conta dessa dificuldade, podem acabar contratando um seguro de viagem básico com uma cobertura que não contempla todos os gastos da viagem.

Como me certificar que o seguro de viagem básico me atenderá

A orientação é que se pesquise os custos de alguns atendimentos e procedimentos médicos no país de destino da viagem. É interessante ter conhecimento dos custos de uma diária em um hospital ou de uma cirurgia, por exemplo. Com essas informações, é possível se ter uma ideia e definir qual a cobertura ideal para a contratação da assistência médica.

Outro ponto importante para se conhecer é que, no Brasil, a maior parte dos seguros de viagem não cobre as doenças que o segurado já tenha antes de contratar o seguro. Então, fique atento e verifique se o plano inclui doenças preexistentes.

Conhecer o destino da viagem é fundamental ao contratar um seguro de viagem básico

Nos Estados Unidos, por exemplo, viajar sem seguro de saúde pessoal é, em certas ocasiões, pedir para abrir falência pessoal. O custo de atendimento é um dos mais caros do mundo. Sem mencionar outros riscos como voo cancelado, perda de bagagem etc. Neste caso, veja se o seguro de viagem básico cobrirá suas despesas caso precise.

De modo geral, a dica mais importante é pesquisar muito bem antes de escolher o seu seguro viagem. Num primeiro momento, o seguro de viagem básico pode parecer mais vantajoso. E as vezes realmente é. Mas vale a pena pesquisar os custos no seu destino e avaliar as possibilidade de acidentes para ajudar a evitar gastos maiores no futuro.

Para que serve o seguro viagem: Confira aqui o vídeo e saiba mais antes de contratar o seu.