Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Seguro viagem: esportes radicais estão cobertos?

Seguro viagem para esportes radicais

Seguro viagem: esportes radicais estão cobertos?

Esportes de aventura estão cobertos no seguro viagem?

Você gosta de esquiar, fazer trekking, canoagem, percorrer longos trajetos de bicicleta ou correr maratonas pelo mundo? Então, não deixe de ver no nosso post os melhores destinos para aventureiros. Além disso, já deve saber que a maioria dos seguros viagem não cobre problemas decorrentes da prática esportiva, não é?

Porém, é possível contratar um seguro específico ou um upgrade que atenda as suas necessidade. Já que embarcar sem uma boa cobertura é muito arriscado e pode acabar saindo bem caro no final.

Que tipo de esportes podem ser cobertos pelo seguro viagem?

A lista varia de acordo com cada seguradora, mas, no geral, existem seguros viagem e/ou upgrades nos planos apenas para a prática amadora de esportes. Ou seja, para participar de competições profissionais você terá que buscar uma outra classe de seguros.

Se você for esquiar ou praticar snowboard, é bom ficar atento, porque a cobertura, normalmente, só é válida ao praticá-los em pistas autorizadas. A maioria das artes marciais e lutas não estão inclusas em nenhuma opção de seguro viagem. Se quiser praticá-las durante as férias, é bom tomar cuidado redobrado. O mesmo vale para corridas automobilísticas, voos de asa delta, paraquedismo, trekking em condições extremas (como na Antártica) e ultramaratonas.

As principais seguradoras de viagem trabalham com coberturas para práticas esportivas, mesmo nos planos de seguro viagem internacional. Por exemplo, você pode contratar planos desse tipo com a Travel Ace Assistance, com a Affinity ou com a Vital Card Seguro Viagem.

Como encontrar e contratar o melhor seguro viagem?

A melhor forma de garantir que você estará coberto durante a prática de esportes em viagem, é especificar o que pretende fazer já no momento da cotação. Isso quer dizer, quando for cotar um seguro, indique que irá esquiar/correr/mergulhar e peça para que a seguradora indique claramente o que está coberto em cada plano. A Bidu pode te ajudar nessa missão, já que cota simultaneamente em diversas empresas e te envia as melhores opções.

O que é importante avaliar no momento da contratação do seguro?

Primeira coisa: pergunte claramente para sua corretora quais são as regras de cobertura para o esporte que deseja praticar. Por exemplo, mergulhos são cobertos até quantos metros de profundidade? Em cavernas também? Faça perguntas específicas por e-mail, de tal forma que você possa guardar as respostas e apresentá-las, caso precise acionar o seguro no futuro.

Veja se o valor da cobertura é condizente com os gastos que você pode ter, caso sofra um acidente no destino – se dá para pagar por uma internação, por exemplo. Caso ache a cobertura pequena ou insuficiente, veja com a seguradora se não é possível fazer um “upgrade”. Confira também se há cobertura para resgate – para quem pratica esqui, por exemplo, pode ser muito necessário. Certifique-se se a cobertura por invalidez é válida para esportes de aventura, às vezes, ela não se aplica nesse caso.

E, claro, por mais assustador que pareça, veja se há cobertura em caso de falecimento. No geral, é importante que a seguradora cubra o repatriamento do corpo. E sempre envie uma cópia do seu seguro para um amigo ou familiar.

É importante tomar esses cuidados e contratar seguro viagem antes de embarcar, para que você possa viajar tranquilo, praticar o seu esporte com prazer e sem preocupações desnecessárias.

+ Vai levar sua bike para a viagem? Veja o que deve fazer!