Seg. a Sex. 9:00 às 18:00
(Horário de Brasília)

Qual a diferença entre escala e conexão?

Entenda o que é uma viagem com escalas ou conexões

Qual a diferença entre escala e conexão?

Saiba a diferença entre conexões e escalas com a Bidu

Viagens com conexões ou escalas? Saiba o que é cada uma delas.

Está comprando uma viagem se deparou com escalas ou conexões no site?

Isso não é motivo para pânico. Voos com escala e conexão são comuns, já que nem todos os trechos são ideais para se fazer sem paradas, sejam por motivos comerciais ou administrativos.

Mas você sabe a diferença entre conexão e escala? Esse tipo de dúvida é muito comum e até mesmo os sites das companhias aéreas como Gol e Azul tentam esclarecer.

Viagem com escala é aquela que o avião faz uma parada em um aeroporto antes do destino final, mas na qual você não precisa descer. Geralmente elas duram menos que uma hora e você já volta a voar.

Isso acontece porque o mesmo avião pode ser aproveitado para fazer trechos intermediários, onde passageiros podem embarcar ou desembarcar, ou por motivos administrativos, como abastecimento.

Se você não tiver problemas com o fato de ficar dentro de um avião aguardando para que sua viagem continue, essa é a melhor opção para você e para o seu bolso.

Um detalhe para se atentar com voôs com escala: em alguns casos, você pode ver na sua passagem uma definição chamada “direct flight”, isto é, “voô direto”.

Isso quer dizer que esse voô não terá escalas? Não necessariamente, já que a definição está relacionada ao fato de que o seu voô será com a mesma passagem e na mesma aeronave, não que não haverão paradas. Voô sem paradas geralmente tem a definição “nonstop”, isso é, “sem paradas”.

Já na conexão, você precisa trocar de avião em algum ponto do trajeto.

Os voos com conexão também costumam ser mais baratos e são uma boa escolha para quem não gosta de ficar muito tempo sentado dentro do mesmo avião.

O intervalo entre os voos pode ser até de mais de 12 horas e permite que você passeie durante esse tempo. Se esse tempo for mais curto, o aconselhável é que você fique pelo aeroporto, visite o free shop, faça alguma refeição, use a internet ou leia um livro.

Em casos de tempos mais longos, é possível até conhecer a cidade. Porém, saiba as regras da companhia aérea com a qual você está viajando e tome cuidado para não perder o segundo voo. Reserve bastante tempo para tal (pelo menos 3 horas) e aproveite as demais horas.

Siga as instruções das companhias aéreas na chegada ao seu aeroporto de conexão. As informações presentes no seu bilhete podem ser alteradas por uma série de motivos, por isso sempre preste atenção nos funcionários quando eles estiverem falando sobre isso. Nada de fone no ouvido!

Fique esperto: alguns países exigem visto em conexões, um exemplo deles é os Estados Unidos. Por isso, sempre verifique se o país que você vai fazer a conexão solicita esse documento. Assim você evita dor de cabeça e que a sua viagem seja perdida por falta de informação.

Eu preciso retirar minhas bagagens em conexões?

Na maioria dos casos, não.

Se você comprou o bilhete já com a conexão, suas malas serão despachadas para o seu destino final. Você deve ficar somente atento com sua bagagem de mão, já que você trocará de aeronave.

Entretanto, se você comprou os dois voôs separadamente, provavelmente você terá que retirar sua mala e despachá-la novamente no próximo voô.

Achou confuso? A melhor coisa é sempre se informar corretamente com a sua companhia aérea. As informações deles serão oficiais e conhecendo todos os detalhes envolvidos no seu caso específico. Além disso, em caso de algum imprevisto, eles saberão informá-lo melhor.

O seguro viagem cobre se alguma coisa acontecer durante a escala e conexão?

A cobertura do Seguro Viagem entra em vigor a partir da data do embarque, até o fim de sua viagem. Isso significa que todo o processo de ida e volta está segurado pelo seu plano, incluindo escalas e conexões.

É necessário avisar a sua seguradora caso seu voo possua alguma dessas duas paradas, já que algo pode acontecer com você ou sua bagagem no momento da parada. Para garantir sua segurança durante todo o trajeto, é essencial que sua seguradora saiba de todos os detalhes.

É uma pequeno trabalho para uma grande proteção 🙂

Cotação de seguro viagem online

 

Dicas de segurança e facilidades no aeroporto

Vai ficar no aeroporto esperando sua conexão?

Listamos algumas dicas de comodidade e segurança para você aproveitar o melhor do aeroporto enquanto você está lá.

Acompanhe se seu voo sairá na hora

Muitas companhias aéreas fornecem informações sobre a pontualidade dos voos através de seus aplicativos. Às vezes, até via SMS. Há planejadores de viagem, porém, que te permitem saber se a decolagem será no horário marcado.

Dá pra saber até mesmo se o portão de embarque mudou, independente da companhia aérea. Uma boa opção é o TripIt que, apesar de estar em inglês, é super fácil de usar e te ajuda a se programar melhor.

No entanto, na dúvida, sempre se informe com sua companhia aérea para não acontecer qualquer confusão!

 

Não aceite a ajuda de estranhos e não deixe sua mala sozinha

Muitas pessoas perdem ou têm sua mala roubada ainda na área de check-in. Normalmente, os ladrões de aeroportos estão bem vestidos, são simpáticos e educados. Não caia nessa e só aceite ajuda de funcionários uniformizados e com identificação da companhia aérea ou do aeroporto.

 

Guarde bem documentos e dinheiro

Não deixe sua carteira, passaporte ou qualquer outro documento no bolso de trás da sua calça ou em bolsos abertos e de fácil acesso em casacos ou bolsas. Isso vale não só para evitar roubos, como também para que, ao mexer nas suas coisas, você não acabe perdendo algo importante pelo caminho.

Se isso acontecer, você deve ir para o balcão de atendimento do aeroporto e informá-los imediatamente. Pode ser que algo foi deixado na seção de achados e perdidos.