Viagem para Terceira Idade: sem contraindicação

Viajar não tem contraindicação. Nem mesmo quando a idade chega e você se torna oficialmente do grupo da terceira idade. Afinal, mesmo assim, ainda é possível fazer as malas e encher a vida de novas recordações. Pensando nisso, separamos as principais dicas e informações para planejar e fazer uma viagem para terceira idade com muita diversão, descanso e experiências. 

Imagem de idosos em trem para ilustrar texto sobre viagem para terceira idade

Viajar na terceira idade faz bem para a saúde e física e mental.

Cotação Online de Seguro Viagem

Como viver a melhor idade

O Ministério do Turismo lançou, em 2016, um guia para orientar e informar profissionais do setor de turismo a promover e receber esse grupo especial de viajantes. Com essa iniciativa, muitas agências se tornaram especializadas e oferecem programas destinados a esse público.

Segundo dados do mercado, grande parte do público é composto por mulheres. Em geral, essas mulheres ou são viúvas ou decidem por seguir a sua vontade sem depender dos seus companheiros que não estão tão motivados a curtir uma viagem. 

Outro aspecto interessante é que muitos idosos optam por viajar sozinhos e acabam por fazer novas amizades no grupo. 

Como planejar viagem para terceira idade

Vamos listar a seguir, as principais características e diferenciais dos pacotes destinados à viagem para terceira idade.

Roteiro

Roteiros de viagem para a terceira idade são muito bem pensados de acordo com as condições físicas do grupo. Isso é importante pois ninguém fica excluído ou de fora das principais atrações. 

Guias

Em geral, os guias e acompanhantes das viagens estão lá para dar auxílio em diferentes condições. Isso inclui, inclusive, o que diz respeito a documentação, check-in, check-outs e outros detalhes da viagem para terceira idade.

Os guias e profissionais que acompanham os idosos nas viagens estão lá também para promover o entretenimento. Mas isso não quer dizer infantilizar as atividades. Ao contrário, são todos preparados para lidar com esse público, com bom humor, paciência e tudo que eles têm direito. 

Custo

O custo de uma viagem para a terceira idade com um pacote turístico específico nem sempre é tão barato. Isso ocorre justamente por conta de todo apoio e auxílio que esses profissionais irão oferecer ao grupo. A dica é aproveitar a baixa temporada já que, em geral, idosos são pessoas que possuem mais tempo livre, sem obrigações com o trabalho.

Acompanhamento exclusivo

Pode acontecer de o idoso precisar de um acompanhamento específico e até mesmo exclusivo. Nesse caso, as agências especializadas podem oferecer um profissional que fique à disposição e cumpra com essas necessidades. 

Leve todos os documentos e informações necessárias

Dados pessoais e de saúde precisam ser bem detalhados para começar essa nova aventura. É uma medida preventiva para que a viagem seja ainda mais divertida e para que possíveis contratempos não estraguem o passeio. 

Por isso, já tenha mãos os contatos de amigos e familiares, e também médico, que poderá ser acionado em emergências. Leve também o seu histórico de saúde, alimentar ou qualquer outro detalhe relevante para a rotina durante a viagem. 

Seguro viagem para terceira idade

Mais do que nunca, o seguro viagem torna-se uma ferramenta imprescindível. Ele que irá oferecer cobertura para diversos fins, desde atendimento médico de emergência no local da viagem, até reembolso por cancelamento de voos ou extravio de malas.

Nunca deixe de fazer uma viagem sem contratar o seguro viagem. Quando falamos em viagem para terceira idade esse item torna-se mais do que fundamental. 

Quais benefícios tem a viagem para idosos?

Não é porque envelhecemos que as coisas deixam de nos trazer valores e experiências inesquecíveis. Viajar na terceira idade tem o seu valor sob o olhar de uma perspectiva diferente.

Um dos principais benefícios é, sem dúvidas, manter uma vida ativa, com interação constante e até novos amigos. É uma grande oportunidade de conhecer lugares que durante outras fases da vida não foi possível, guardar novos registros e ter boas histórias para compartilhar.

Provavelmente muitos médicos indicam aos seus pacientes que tenham o hábito de viajar como uma prática comum. Isso porque viajar também oferecer diversos benefícios à saúde mental e física.  

Quais os melhores destinos para viajar na terceira idade?

Dentro ou fora do Brasil, não importa. Todo lugar é lugar, e é muito provável que a sua agência de viagens já tenha o roteiro certo para você não perder nenhum detalhe do seu destino.

No Brasil, nada melhor do que conhecer cada canto da nossa própria terra. O calor e as praias do Nordeste, como Porto de Galinhas e Maragogi, podem reservar surpresas para quem acha que já não tem mais idade para se divertir em um passeio de barco ou em uma praia. As águas cristalinas e o mar calmo são ótimas pedidas para idosos. 

Passeios históricos, como as cidades de Minas Gerais, Mariana, Diamantina, Ouro Preto e São João Del Rei, não podem ficar de fora, assim como o pelourinho de Salvador. Para quem curte o frio, o Sul do país reserva aquele lazer mais aconchegante, como em Gramado e Canela.

No centro-oeste também tem passeio para a terceira idade. A recomendação é aproveitar as piscinas naturais e as grutas de Bonito, no Mato Grosso do Sul. Ou quem sabe, dar aquela passada na capital do Brasil, em Brasília, e encontrar um resgate histórico e atual do país. 

Lá fora, destinos próximos como Chile, Argentina e Uruguai, vão trazer o charme latino. É possível visitar cidades que são verdadeiras metrópoles, como Buenos Aires, e outras que mantêm a sua essência histórica, como Montevidéu. Em Santiago, encontros com referência literárias, como Pablo Neruda, e políticas estão no roteiro.

Um pouco mais longe, que tal uma visita às origens? Afinal, qual brasileiro não tem um pé na Europa, seja por nossos colonizadores portugueses ou por raízes espanholas, alemãs e italianas. Sem dúvidas uma conexão com o passado que irá trazer muitas emoções e recordações. 

Viagem para a terceira idade é recomendado?

Como você pode perceber, sair de casa para o mundo não tem contraindicação e ainda há um mercado preparado para recebê-los. Estimular a vida é alimentar-se de saúde e de novas oportunidades para ser feliz.

Por isso, aproveite a melhor idade, faça as malas e boa viagem!  



Última atualização em 06/10/2019